VERSO CALADO

 

 

rosas+e+chuva.gif

 

VERSO CALADO

 

Deitou o verso o poeta insone
por sobre a mesa fria do silencio
olhando-o tênue luz do casarío
ao adentrar da lua por cicerone.


E ali se fizeram horas de nostalgias
entre paredes de vasta amplidão:
lembranças, clareiras na escuridão,
desenhos e ais de melancolias.


Repaginou-se só, calcinado
às luzes inscritas nas estrelas
com mesmo sentir de poeta alado:


Ter a poesia do verso calado
com voz aguerrida e enfim trazê-la
Ao chão de prata do poeta ilhado.
 
Vilma Piva
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • PRATA BABPEAPAZ

    Vilma ,belo poema,te ler foi gratificante....bjus

  • Querida Poetisa, Vóny, obrigada pelo incentivo da sua leitura e comentário. É uma honra partilhar dos meus  versos com  poetas  de primeira linha como você. Obrigada,querida. Bjs.

  • Amália, querida Poetisa, obrigada pela gentil recepção, fico-lhe agradecida por suas palavras aos meus versos. Obrigada, querida!Bjs.

  • Paulo, querido Poeta, imaginar que Roberto Piva me aplaudiria já valeu a pena ter escrito esses versos. Obrigada pelo carinho do teu adorável comentário. Beijos e um 2012 maravilhoso prá você!

  • Monica, querida Poetisa,  sua leitura e comentário me fez contente! Obrigada, querida!! 

  • Querido Poeta, Marcial, e quantas tentativas faço eu prá quebrar o silencio poetal e trazer o poetico para a folha de papel.... Obrigada, pela leitura e amável comentário. Bjs.  

  • Querido Poeta, Antonio Costa, obrigada pela leitura e comentário . Suas palavras me animam nessa estrada da poesia. Beijos, Vilma

  • Silvia querida Poeta, obrigada pelo incentivo das tuas palavras, recebo-as de coração.Beijos

  • Vilma que belo é o seu poema!

    Espero que partilhe muito mais vezes o seu talento

    connosco,

    Parabéns sinceros!

    Vóny Ferreira

  • Verso calado, mas pintado a cores vivas e sons de tonalidades contrastantes. Seja bem vinda e bem lido o verso calado. Abraço de boas vindas

This reply was deleted.