Blog 2 (PEAPAZ)

PRATA BABPEAPAZ

Tecelãs - (No tear, o viver)...

3542079628?profile=original

No Tear, os fios escrevem rios de causos, risos, lágrimas, anseios. Tecem silêncio, partilham ideias. À espreita, seios abastados de sonhos dentre lineares caminhos. Olhos despertos, cabeças visionárias acolhem a certeza de que a vida urge!

No tempo, o tecido resguarda segredos. Por entre mãos, dons divinos ateiam movimentos que preservam o gosto e coragem da lida, deixando escapar a criação. A cada laço e ponto, a destreza do caminho. E a criatividade se alastra na busca do alimento que sustenta bocas e corações...

Cestos vazios serão preenchidos, peças bordadas, pretextos de alegorias. Tudo será cheiro provedor, vestes temperadas de sabor, cordões tecidos de ricos pobres, pobres ricos, essenciais contos de ontem e de agora.  E as histórias se expandem na universalidade do poder da fé, feitio de laços entoados de labor...

Saudades, desejos e musicalidade lacrimejam perseverança na exatidão das medidas em sensatos pontos que aguçam o viver! Acrescentam-se os nós delimitando a pressa da impaciência. Alonga-se o respeito: Da cabeça ao peito. No restante, delineados ajustes de satisfação fluem e despem a cor vivaz de ser tão fértil/mente, corando a nua tez e revestindo a alma de brilho intenso.

Dançam fantásticas fiandeiras, fantasiando pés sonhadores e coroando pensamentos que seguem fiando, fiando pelas sendas do destino!

 

Maria das Graças Araújo Campos. Tecelãs (No tear, o viver...) 02/02/2018.

MG/Brasil.

Graça Campos

 

Lincença Criative Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-No Derivative Works 3.0 Brasil License.

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.