Blog 2.0

Suave delicadeza

3541827134?profile=original

Não gosto de te ver assim
Tão triste, sem esperança,
Deprimida e distante de mim
Que nem meu amor te alcança.
                                          xxxx
Conta pra mim o que te faz tanto sofrer
Desabafa em meu ombro teus pensamentos
Vejo lagrimas caindo dos lindos olhos seus
Como se não tivesses  amor nem alento
Ou como se alguém partiu sem dizer adeus
                                          xxxx
Não deixe que a tristeza entranhe em sua alma
Nem que o desanimo abrace todo o seu ser
A felicidade volta por isso te peço calma
E saiba  que estou contigo pro que der e vier
Imagem cedida pelo google imagens
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Doces e ternas palavras a abrandarem um sentimento.

    Sempre são necessárias para alguém. E sempre faz tão bem poder dizer, fazer e sentir.

    Amei mana.

    Bjsssssss

  • Nossa... essa prosa poética tem tudo a ver com um momento triste e delicado na qual minha família está enfrentando... minha irmã Daniele, está muito depressiva... e isso afeta todos da família... tocou-me... 

    Beijo grande e Feliz ano novo!

  • PRATA BABPEAPAZ

    Felizes os que plantam e colhem Amizade !

    Parabéns Mari !!  Bjs. Wau

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Um ombro amigo, que se oferece, é uma dádiva.

    Beijosssssssssssss

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Delicadeza é ouvir o que diz o ser ao lado que mesmo silente tem muito a nos contar

    Belos versos Mariangela carregados de reciprocidade!

    beijo

  • Lindo, não existe nada de mais belo do que o amor compartilhado. Parabéns querida poetisa amiga! Felicidades e sucessos! Luz e Paz!!!

This reply was deleted.