Soneto para um eterno amor

Luzia, és um anjo da minha vida,harmonizando-a de amor que me trazes.Longe de ti tanta falta tu fazes,nunca imagines a dor da partida.És doçura de um sonho, embevecida.Vagueias na razão, nas crueis fasespor que passas em pranto entristecida,até as recompensas eficazes...Tu és minha princesa mais formosa,pressurosa e cheirosa, como a rosa.Por onde vais, eu estarei também.Serei teu guardião, homem de bem.Assim juro, como queres que eu façae merecer de Deus a sua graça.Soneto musicado pelo próprio poeta.Rogério Marques Sequeira Costa
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.