Blog 2.0

DIAMANTE BABPEAPAZ

♫♥Solitude♫♥ [Soneto Alexandrino]

3541757928?profile=original

3541758120?profile=original

Solitude

 3541758120?profile=original

Restou-me a solitude... o coração domado...

o pensamento é noite em paz enluarada.

Um tom de flor flameja e faz-me namorada

do céu, do amor, da luz... saudades do passado.

 3541758120?profile=original

Restou-me a solitude... o coração domado...

o verso doido inflama a antemanhã calada.

Meus passos quase nus assentam pela estrada

sem mal, sem par, sem dor... sem vícios lado a lado.

 3541758120?profile=original

Bem sei por onde sigo e junto à passarada

sibilo cada som ao dom que tanto almejo.

O pensamento é noite em paz enluarada...

 3541758120?profile=original

Nas ribas do futuro encontro o bem-amado

e à dança desta insônia encanto meu desejo.

Restou-me a solitude... o coração domado...

 3541758120?profile=original

Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz

Rio de Janeiro, 11 de novembro de 2012 – 2h13

Fundo musical: Ernesto Cortazar. Solitude

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.