Blog 2.0

Qual Prejuizo?!

Não tenho noção do meu prejuízo,
Do tempo em que me perdi…
Sei apenas, que essa perdição...
Teve que ver com a minha vontade;
Se eu não quisesse, não me perdia!
Mas, como gostei de me perder!
Se voltasse atrás, juro que me perderia
Da mesma forma, sem alterar
O que fosse, porque foi essa perda
Que fez de mim quem sou…!
Ainda bem, que ao perder-me me achei
O valor e o sabor do que ganhei;
Sim, porque ninguém perde sem ganhar,
Nem que seja a recordação do passado.
Por isso, não acho o meu prejuízo
Tão mau por mim, ou o meu presente.
Quem puder, perca-se consciente
De um dia concluir que não perdeu!

Joantago

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.