Pelo Dia dos Pais

Uma Mãe Pelo Dia Dos Pais

images?q=tbn:ANd9GcQtnOLm2ZoWKgeuyWnm63OkqIofdATPjFecHvlmnxOqH7i3aU9U

imagem Net
Perdidos na Net

31 Meu Pai – Amo Você
Soaroir Maria de Campos

Aquele futebol de botão,
O jogo de frescobol na areia,
Minha Primeira Comunhão...
Eu nunca vou me esquecer.
E quando operei as amígdalas,
E acordei tonto da anestesia,
Procurando pelo seu colo?
Ah, isso também não esquecerei.
No, de escola, meu primeiro dia,
Encontrar você me esperando na saída,
Entregar os meus rabiscos que fazia no jardim,
Sua presença na minha formatura do ginásio,
Nas fotos dos Natais em família,
Na missa de domingo do Dia dos Pais...
Nunca vou esquecer.
E o orgulho de mostrar pros meus amigos
Quem era meu pai!
Pai, nunca hei de me esquecer: 
A falta que sua presença me fez
Quando mais precisei
E não o encontrei por perto
Só porque você não quis ir me ver.
Eu me acostumei e cresci,
Hoje já sou um doutor,
Não lhe espero mais.
Mas eu lhe perdoo meu pai,
Porque ainda o amo muito,
Mesmo sem você 
Mais me reconhecer -

E eu, deste Dia, me esquecer...

                                                                                          Soaroir 10/8/07 - 11:30h
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.