Blog 2.0

Não seja assim

 

Resultado de imagem para pessoas deficientes fisicas

Na lide abençoada da vida,

Quantos não pelejam irritados,

Outros que resmungam chateados

Pelas provas que a vida conduz.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente

E cobre nosso caminho de luz.

 

Na lide abençoada da vida,

Quantos vagueiam nas ruas febris,

Esfaimados, taciturnos, infelizes

Implorando-nos um pedaço de pão.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente

E pra todo sofrimento existe razão.

 

Na lide abençoada da vida,

Quantos vivendo calados sem voz,

Na angústia juntos de nós

Que não entende o porquê da mudez.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente,

Pagando pelo mau uso que a boca fez.

 

Na lide abençoada da vida,

Quantos não vêem o brilho das estrelas,

Perdidos nas trevas da própria cegueira,

São caminheiros na sombra afinal.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente

E o que você hoje passa, teve motivo pra tal.

 

Na lide abençoada da vida,

Quantos que nos resgates fratricidas

Perdem-se entre meio às feridas,

Bênçãos para nos purificar.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente

E todas as chagas irão cicatrizar.

 

Na lide abençoada da vida,

Quantos deprimidos no álcool procuram

Resposta sem sucesso, nexo pra sua cura,

Sendo que na alma reside o seu mal.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente,

Oferecendo-lhe a oração, remédio espiritual.

  

Na lide abençoada da vida,

Quantos abraçam e socorrem felizes os irmãos,

Outros sofrem à fome, mas ainda dividem o pão,

Com a certeza de um novo porvir.

No entanto, Deus está presente

De tudo inteiramente ciente,

E diz filho querido: você viveu pra servir.

 

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.