Blog 2 (PEAPAZ)

Menina

Eu sou uma menina, ainda.

Curiosa e muito cheia de perguntas,

Buscando tenazmente as respostas,

Que muitos talvez desconheçam,

Mas os livros revelam.

Por isto estudo muito, sempre,

Em qualquer hora, em qualquer lugar.

Não gosto do estudo sistemático

(Embora dele precise)

Que pede respostas conhecidas,

Marcadas como verdades únicas

Às quais devo prestar contas.

Talvez nem sirvam.

Como dizem, arsenal de cultura inútil.

Mas nenhuma cultura é inútil.

Coisas não me interessam, gente me interessa.

Saberes grandiosos não me interessam,

Eu sou muito pequena e limitada,

Minha finitude me entristece.

Estar em paz, viver em paz,

Isto me interessa.

Não sou dona de nada,

Nada tenho por brigar,

Meu trabalho me conforta,

Me sustenta e me alegra.

Dele vem minha dignidade.

Não tenho ambições,

Meus livros são minha riqueza

E tenho Deus à minha frente.

O mais, são consequências.

   (Outubro/2013)

Poema igualmente publicado no livro "Cotidiano", 2015.

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • OURO BABPEAPAZ

    LINDÍSSIMO Poetisa Neusa. És mesmo menina ainda...

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Até mesmo os estudos sistemáticos se revitalizam, a depender daquele que desbrava o conhecimento. Beijossssssssssss

  • Parabéns menina Neuza pelo despojamento, pois, a sabedoria se encontra no escaninho d'alma. Abraço do campos.

  • Smile.gif Olá amiga simplesmente coerente, muito oportuno ...parabéns 41.gif41.gif41.gif Fique Bem!113.gif 

This reply was deleted.