Blog 2.0

MARTIR

3541859000?profile=originalbrasilgeral.pnh
Descendo a ladeira,
distribuindo sorrisos
de forma certeira,
lá vai Mariana
com mãos nas cadeiras,
encantando passantes
à caminho da feira...
Seu sorriso tem brilho,
seu corpo tempero,
nos olhos promessas
envoltas por cheiros.
Mariana menina,
Mariana mulher,
vivenciando uma sina
enquanto puder...
Na ladeira de cima
faz pose, oferece,
encanta e recebe
de quem não merece,
seu corpo tão jovem
e o amor que carece.
Gastando a vida
suprindo carências,
Mariana menina,
tão pura, tão bela,
acabará numa esquina,
apontada: -"É aquela" !
                                          Domingo - Dia do beijo !
                                            Abril/2014
brasilgeral.pnh
brasilgeral.pnh
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • BRONZE BABPEAPAZ

    Espetacular! Maravilhoso! Mariana em belos versos........ Aplausos!

    Beijosssss

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Ritmo e sincronia nos teus versos.

    Realçando ricas rimas em teu poema melodia.

    Outra excelente criação.

    Parabéns Paolo.

    Bjsssss

  • PRATA BABPEAPAZ

    Paolo,cadência,ritmada de Mariana...

  • Bom demais de ler,um belo ritmo!!

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    O poeta se refere a várias cenas do cotidiano onde vários seres testemunhas oculares torcem para que assim o seja

    Belo retrato!

    beijo

  • bem o sentido do brasileiro para a mulher, parabéns poeta, que canta nosso povo assim, sem remedeios, apenas  o que é 

  • Bom dia Paolo, aplausos pela criatividade poética, amei, beijokas e uma boa semana

  • Fenomenal !!! Fenomenal!! O Paulo está com a veia poética completamente cheia!!!

  • BRONZE BABPEAPAZ

    Sabes...

    Essa rapariga tão bela,tão jovem

    tão dançante e de certa forma

    senhora d'uma sensualidade que

    invoca pureza,eu sinto-me

    encantada e ao mesmo tempo

    com o coração partido de imagina-la

    n'um futuro tão tristemente maligno

    que é a vida das ruas.

    E penso que poderia ser uma filha

    minha a Mariana.

    Oxalá que o tempo por essa Babel

    maluca mude e todas as Marianas do mundo

    possam ter a chance de viverem seu tempo

    de menia-moça como deveria ser.

    Aprecio ler-te afilhado,a beleza do teu

    coração sempre diz-nos algo a mais

    daquilo que só está escrito em  teus silêncios

    e do que da vida observas.

    Abraço carinhoso,tenha uma noite bonita

  • PRATA BABPEAPAZ

    "...Seu sorriso tem brilho,

    seu corpo tempero,
    nos olhos promessas
    envoltas por cheiros.  ... "
    Gostei do gingado do teu poema, Amigo Paolo !
    Bjs Wau
This reply was deleted.