Blog 2 (PEAPAZ)

PRATA BABPEAPAZ

ENTRE FOLHAS ( Conversas de outono)

3542088057?profile=original

Entre Folhas  (Conversas de outono)

Lavadas almas do tempo, em que o vento irmão traz consigo a função natural da expansão da vida de forma diversa... Levanta poeira, promove ritmos semeando viveiros até próximas jornadas.

E, nessas valsas, somos passistas e dançarinas, folhas que se abrem em  alas para novidades, após tantos bailes ao som de assovios, até mesmo, uivos em noites frias e de tempestades.  Voam nossas cabeleiras verdes que se tingem de cores e tons da moda cíclica, inspirando figurinistas, estilistas, alvoroçando o comércio e trançando pensamentos de época...

Destaca-se Ocre, na queda livre, sem medo, sem choro, apenas levemente adormecida que, em sonho, dispõe a levantar-se transparente, invisível, transportando todo seu saber lá às alturas em diálogo incrível com estrelas... Essas, brilhosas, que a gente vê e supõe, e crê ser alguém muito querido que more em outras constelações...

Sim, as folhas falam um linguajar que farfalha, crepita. Dourada diz-nos de experiências inusitadas, de quando se despencou, rastejou  anestesiada . Guardou lembranças de vida ao vento, de cores luminosas e entende que, ao transpor tal estação, já se  harmoniza e estrutura a formação de minúsculos pecíolos, bainhas e limbos, saboreia a formação do colorido e agradece à canção das ventanias.

Ao saral das horas nuas, folhas poetas se inspiram em convidados especiais.

Bem-vindo, Manuel Bandeira!

"Canção do vento e da minha vida”

O vento varria as folhas,

O vento varria flores

E a vida ficava cada vez mais cheia de frutos, de flores, de folhas”.

(...) BANDEIRA, M.

Vermelha, marciana, ainda com fulgor, inicia poema:

Folhas amigas:

Nossa vivência é pura poesia de renovar!

Ecoe o coro bendito em sinfonia das lições.

Somos folhas, folhas, folhas,

Missionárias de Outono!

Lavadas almas do tempo, em que o vento irmão traz consigo a função natural da expansão da vida de forma diversa... Levanta poeira, promove ritmos semeando viveiros até próximas jornadas!

O vento me varria!

Pétalas se partiam!

A vida ia e vinha, vinha e ia...

ENTRE FOLHAS ( Conversas de outono).

Graça Campos/15/06/2018.

Lincença Criative Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-No Derivative Works 3.0 Brasil License.

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.