Blog 2 (PEAPAZ)

Descobertas

Eu pensava

Que todas as coisas eram permanentes,

Que tudo seguia um rumo definido,

Que idas e vindas tivesse propósitos firmes,

E que as situações fossem estáveis.

Eu pensava

Que as lutas não fossem tão renhidas,

Que o dia-a-dia fosse sempre tão igual,

Que as pessoas fossem sempre muito amigas,

Que os inimigos estivessem bem distantes

E sanidade fosse perene.

Eu pensava

Que toda pedra era inabalável,

Que a vida fosse como num conto de fadas,

Cheia de poderes mágicos

Bons para os bons, maus para os maus.

E para ser bom e bem sucedido

Bastava seguir algumas regras

E nada de mau lhe aconteceria.

Então, por que deveria eu ser triste?

Mas a vida vai seguindo diferentes rumos,

E eu fui descobrindo

Que não há um dia igual ao outro.

Ir e vir podem ter propósitos

Que nem sempre são determinados

Pelo simples querer.

Ser rico hoje não dá nenhuma certeza

De continuar sendo amanhã e sempre,

Mas o dinheiro continua abrindo e fechando portas.

Se agora estou de pé

Daqui a pouco posso me surpreender

Diante de muitas quedas

Que me fazem lamentar e sofrer.

Embora busque sempre a paz,

Tenho aprendido que devo guerrear todos os dias,

E que nem sempre os inimigos são os mesmos.

O coração desfalece, o cotidiano é imprevisível,

As emoções são fustigadas.

Quem há de permanecer impassível?

Amigos vêm e vão deixando marcas,

As pedras mudam de lugar,

O tempo leva e traz lembranças.

Há sorrisos e há choros, há festas e há enterros.

São ambos uma mesma coisa?

O horizonte nunca está perto,

O amanhã jamais dará certezas.

Então comecei a perceber que

"O que é sólido se desmancha no ar".

Vivemos em constantes incertezas e descobertas,

Pois a permanência só se encontra no pó,

Tudo o mais continua passando.

E descobri que somos seres solitários

Numa procissão indevassável.

     (Fevereiro/2004) 

(Poema publicado no livro autoral "Selectas", 2013.

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.