Blog 2 (PEAPAZ)

CIDADE NEGRA

CIDADE NEGRA II

Flores desabrocham, pelas ruas da cidade
No caminho de concreto a dor invade
Cidade Negra, cidade devassa
Cidade selvagem da malandragem
Flores desabrocham, na triste paisagem
Na rua onde moro casas derretendo
Calor de 45°, asfalto desmanchando
Flores de aço desabroncham...
Na praça alí pertinho
Chão seco, chão molhado
Chão surrado, desmantelado
Flores desabrocham...
No telhado quente de verão
No amor caliente da solidão
...Cidade Negra.

Edson De Luna Freire ( Direitos reservados )

e-mail: delunafreire@yahoo.com.br

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Querido artista e poeta, que emoção ler tua obra! Tema vital, em linguagem eloquente. Parabéns! Beijosssssss

  • CIDADE NEGRA II

    Flores desabrocham, pelas ruas da cidade
    No caminho de concreto a dor invade
    Cidade Negra, cidade devassa
    Cidade selvagem da malandragem
    Flores desabrocham, na triste paisagem
    Na rua onde moro casas derretendo
    Calor de 45°, asfalto desmanchando
    Flores de aço desabrocham...
    Na praça alí pertinho
    Chão seco, chão molhado
    Chão surrado, desmantelado
    Flores desabrocham...
    No telhado quente de verão
    No amor caliente da solidão
    ...Cidade Negra.

    Edson De Luna Freire ( Direitos reservados )

    e-mail: delunafreire@yahoo.com.br

     3542834404?profile=original

This reply was deleted.