Blog 2 (PEAPAZ)

APRENDIZ DO AMOR

3541890873?profile=original

E de repente se fez a ausência

de tudo que abrange o compasso

que se esfuma na pausada dolência

com que hesito ao próximo passo.

 

Como abrir o hermético santuário

e conter o incontido lamento

que repousa no intocado sacrário

as veias túrgidas de meu sentimento?

 

Ah, poeta que palavras esgrime,

baixa a guarda, não precisas lutar

só um gesto desde agora redime

 

aquel’outro em que estais a falhar:

lança ao ar como um canto sublime

que um dia aprenderás a amar...

N.C. GONÇALVES, PEAPAZ, 24/09/2014

Música: The language of love - Ernesto Cortazar

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.