Posts de Sigmar Montemor (163)

EMENDA 92

Nossa Constituição é de 5 de outubro de 1988. No ano vigente fará 28 anos.
Ela já recebeu 91 emendas até hoje. ( Wikipédia ).
Proponho aqui mais uma :

- Fica estabelecido que a partir das próximas eleições baixaremos o número de deputados federais para 3 por estado da União e o número de senadores para 1 por estado. O número de deputados estaduais e vereadores municipais será reduzido a um terço do atual. O número de secretários e ministros será reduzido a metade do atual.
- Fica estabelecido que a partir das próximas eleições nenhum cargo público terá o privilégio antidemocrático e antiético de nomear assessores. Para todos os níveis ( Executivo, Legisilativo e Judiciário ) e em todos os âmbitos ( Municipal, Estadual e Federal ) os mandatários terão direito a um(a) assessor(a) e TODOS eles serão concursados.

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

A FESTA

As cortinas correram se encontrar no meio da vidraça

Pra não deixar o sol ver nada

O tapete, desenrolado como ele só

Queria assistir um filme com a TV

O sofá todo assanhado

Abraçado com duas almofadas

As cadeiras dançavam de quatro

A lareira toda acesa

Era a mais brilhante da festa

O lustre piscou para o relógio

Que deu 12 badaladas altaneiras

As caixas de som pulsavam e pulavam

E as taças de vinho brindavam sem parar

Os quadros tão quadrados

Assistiam a tudo indignados

Só a mesa ficou só

Com as lembranças dela

E uma vela apagada...

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

EVOLUÇÃO

Não há lógica ou bom senso em procurar o sentido e o significado da vida, longe do natural aperfeiçoamento, separado do instintivo crescimento e fora da óbvia evolução.

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

FALTA MUITO

Falta planejamento, organização, gestão, fiscalização e controle.

Falta verdade, igualdade, solidariedade e fraternidade.

Falta caráter, honra e justiça.

Falta carinho e amor.

Falta crescer.

 

O resto a humanidade já tem...

 

Sigmar Montemor

Saiba mais…

DESIGUALDADES

Ontem nasceu o filho do príncipe William e sua mulher, Kate Middleton, que deixaram na tarde desta terça-feira o hospital St. Mary, em Londres e rumaram para o Palácio de Kensington, residência oficial do casal, conhecidos como duques de Cambridge. 
O bebe nem tinha nascido e jornalistas do mundo todo já o aguardavam do lado de fora do hospital. 
Saiu da limusine e entrou direto para um PALÁCIO DE 21 COMODOS E QUATRO ANDARES.
Ontem no Brasil nasceram 7.700 crianças. Anônimas. Muitas delas sem pai e sem família.
Muitos não chegarão a completar 1 ano de vida.
Muitos serão pobres e anônimos pelo resto da vida.
Muitas trabalharão por toda a existência ganhando salários miseráveis, num mundo injusto e primitivo.

O MUNDO PRECISA DISTRIBUIR MELHOR A RIQUEZA
O MUNDO PRECISA DE MAIS IGUALDADE

Sigmar Montemor

Saiba mais…

EXTRA ! EXTRA !

Veja

Isto É Manchete Super Interessante

No Capricho

Cruzeiro sobre Quatro Rodas vai ladeira abaixo

Bravo

Mostra as Caras

E o Placar

Que Atrevida

Meus Caros Amigos

Época ruim

Para o Old School e para o Teen

Para Pais & Filhos

Para Pequenas Empresas & Grandes Negócios

Para Ele & Ela

Para o Playboy do Show Bizz

O Rolling Stone

E para o sem Status

Pura Infomoney

Claudia, a jornalista Cult e Sexy

Em Boa Forma

Informa em Carta Capital

Notícia Vip

Para o nosso Exame

Em uma Folha apenas

O Mensageiro

Não só no nosso Estadão

Daqui ao Piauí

Em toda a National Geographic

E em todo O Globo

Mundo Estranho

Esse de Galileu

Muito Mad

Bad Trip

Não tem Recreio

Mas é a Nature

E a Science explica

Então Amiga

Tenha Visão e Faça Fácil !

Seja Criativa, Marie Claire ! Muito Gloss é o que Elle quer !

To Contigo até o fim... Até o Pasquim !

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

O AMOR

O amor se manifesta de várias formas

Você pode amar uma árvore, uma flor, a natureza

Você pode amar um bicho, um rio, o mar

Ele se manifesta no carinho, no respeito, na amizade

Na justiça, no caráter e na verdade

No parceiro, no contrato, na sociedade

Na ciência, no instinto e na solidariedade

No cônjuge, na família, na pessoa amada

Pelo planeta, pela busca, pela humanidade

Pela vida, pelo canto, pela alegria

Por si mesmo, pela arte, pela poesia

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

AVANÇA BRASIL

Recebi algumas críticas por dizer que “ Protesto BOM é quando as pessoas, interessadas em Política, VÃO NAS CÂMARAS onde os parlamentares VOTAM AS LEIS e DECIDEM as DIRETRIZES DO ORÇAMENTO ”; mas não entenderam que eu acho as reivindicações do Movimento mais que justas. São super pertinentes, válidas, necessárias e urgentes.

 

Chegamos num ponto em que não dá mais pra suportar! VIOLÊNCIA URBANA INACEITÁVEL ( índices altíssimos, os maiores do mundo, de toda sorte de violência, roubos, furtos, assassinatos, estupros e crimes hediondos chocantes e recorrentes ); SALÁRIOS PÉSSIMOS ( concentração de renda, donos de empresas ganhando muito e funcionários ganhando muito mal, salário mínimo miserável ); SAÚDE EM CAOS TOTAL ( exames urgentes demorando 100 dias pra serem realizados, faltam medicamentos, profissionais, hospitais, etc...);  EDUCAÇÃO COMPLETAMENTE ABANDONADA ( faz décadas que não dão o valor devido à educação, às universidades, à pesquisa, à ciência, à escola pública, a desvalorização dessa profissão tão nobre e importante, salários péssimos dos professores, escolas caindo aos pedaços ); TRANSPORTE PÚBLICO VERGONHOSO ( Passou da hora de termos trens, metrôs e ônibus confortáveis, onde os passageiros viajam sentados e com cinto de segurança, movidos a energia limpa, ligando todas as capitais do país, unificando e aproximando os grandes centros urbanos ) ;  e talvez o que ainda deixe a população mais indignada, a CORRUPÇÃO DESLAVADA E DESCARADA que vemos, pela Mídia, acontecendo todos os dias. Os constantes desvios, superfaturamentos, propinas, comissões, conchavos, conluios, esquemas e toda uma gama de crimes do “colarinho branco”, que dizimam vorazmente o Erário Público.

 

Mais que protestar, precisamos saber qual é o caminho mais eficaz, mais veloz, para conseguirmos mudar essa situação com urgência!

Infelizmente o Brasil não está preparado para protestar nas ruas. O clamor do povo é desorganizado, violento, baderneiro e criminoso!

A falta de politização, de educação e de conhecimento gera esse tipo de comportamento que ironicamente atrapalha o próprio Movimento, que é legítimo e valoroso!

 

Precisamos discutir com representantes de diversos segmentos da sociedade, em debates públicos televisionados e marcar uma data máxima, não muito distante, para a mudança das leis que entendemos ser mais unânimes e prementes.

 

PRECISAMOS E QUEREMOS COM URGÊNCIA:

 

 

- ACABAR COM O INCHAÇO DA MÁQUINA

 

- DIMINUIÇÃO DO NÚMERO DE PARLAMENTARES

 

- FIM DOS CARGOS DE CONFIANÇA

 

- FIM DAS REGALIAS E PRIVILÉGIOS

 

- FIM DO FORO PRIVILEGIADO

 

- ACABAR COM  A CORRUPÇÃO, DESVIOS E SUPERFATURAMENTOS

 

- UNIFICAÇÃO DAS POLÍCIAS

 

- INVESTIMENTOS EM SEGURANÇA PÚBLICA

 

- REFORMA NO SISTEMA PENITENCIÁRIO E PRISIONAL

 

- LEIS MAIS RÍGIDAS

 

- AGILIDADE EM TODOS OS PROCESSOS NO JUDICIÁRIO

 

- INVESTIMENTOS MACIÇOS NA EDUCAÇÃO

 

- INVESTIMENTOS MACIÇOS NA SAÚDE

 

- AUMENTO DO SALÁRIO MÍNIMO

 

- METRÔS E TRENS, MOVIDOS A ENERGIA LIMPA, INTERLIGANDO AS GRANDES METRÓPOLES E TODAS AS CAPITAIS DO BRASIL

 

 

Conseguirmos isso será um SALTO GIGANTESCO para a Sociedade, para o Brasil e para o Mundo !

 

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

A DAMA DO MAR

 

A vida era cinza

E a água gelada

Feria minhas pernas

 

O mar tedioso

Insistia em ondas iguais

Na praia da solidão

 

Nuvens carregadas

Choravam doído

A chuva grossa

 

Até que um dia

A maré trouxe

Minha sereia

 

Fez-se a vida

Raiou o sorriso

Instalou-se o arco íris

 

O sol brilhou forte

O sonho acordou

A maré virou poesia

 

Minha musa

Minha deusa

Minha luz

 

Brincava nas ondas

Como golfinho

E aqueceu meu coração

 

Eu a queria tanto

Com unhas e dentes

Com todas as células

 

Noite e dia

A sonhar com seu beijo

Puro desejo

 

Nada importava

Somente a amada

Necessária criatura

 

Até que um dia

Com as próprias mãos

Rasgou sua pele

 

Veio até a praia

Ajoelhou-se na areia

E beijou meus pés

 

Tão fria

Tão humana

E toda minha

 

O que era sonho

Loucura e paixão

Virou meu inferno

 

No desejo da posse

Tornei-me um cego

De vida e valor

 

Nunca pensei

Que eu fosse tão triste

Tão cheio de dor

 

A mulher era minha

Agora só minha

Para meu prazer

 

Mas perdi para sempre

A bela sereia

Minha dama do mar

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

SALAMANDRA

 

Observo atenta e invejosamente

O anfíbio caudado colorido

Que vai e vem

Nada como quem não quer nada

Corre pela mata e volta para a água

Livre como o vento

 

Não quero o poder

Dos sem caráter

Daqueles que não tem honra

Dos ruminantes

Nelores e zebus globais

Que pastam entre cercas

 

Não quero ver o mar

De dentro do seu edifício

Quero a montanha mais alta

O mar mais bravio

O rock mais alto

Quero na veia e na lágrima

 

Não quero Flórida

Nem Papa

Nem Torre Eiffel

Nem Vaticano

Quero o pulsar do artista puro

E não a Disneylândia

 

Não quero o verde, amarelo, azul e branco

Nem sua ordem

Nem seu progresso

Quero a individualidade

Do eterno caos

E as cores do rabo da salamandra

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

MEU NÚMERO

Gosta de 1banda ?
Você se acha 3loucada ?
Já teve uma 5pe ?
Vo6 já viram fantasma ?
Foi em 7mbro ?
Come bisc8 ?
Gosta de 9la ?
Pois cheguei e 20 buscar !
100 dúvida você é um 1000agre !
Sigmar Montemor
Saiba mais…

ROLO COMPRESSOR

 

Quando o temor

Míngua... Amarela

 

E volta o sabor

A cor da aquarela

 

Esvai-se o torpor

Abre-se a cela

 

Um novo valor

Esperança paralela

 

Mas nada é indolor

Nessa vida tão bela

 

Prazer e dor

Arrepia e gela

 

Vem o amor

E atropela !

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

ABRAÇO

Poucos são avós 
Muitos, pais e mães 
Muitos irmãos 
Alguns sós 
Mas todos 
Todos 
Somos filhos 

É o que nos une 
Através do Amor 

Sementes divinas 
No chão do homem 

Humanidade 
De almas gêmeas 

Falta 
O abraço

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

A COR DA LÁGRIMA

A noite era sombria

Úmida e pegajosa

Eu andava a revelia

Alma corajosa

 

Intrépido e curioso

Atento e romântico

Coração fogoso

Flutuando no cântico

 

Ouvi um choro doído

E senti uma dor lancinante

Jamais havia sentido

Uma voz tão fascinante

 

Vinha de dentro

De uma casa abandonada

Adentro

Sem pensar em nada

 

Uma moça tão linda

Chorava compulsivamente

Não me via ainda

Que cena comovente

 

Lágrimas de dor

Lágrimas de saudade

Lágrima incolor

A lágrima da eternidade

 

Não pude me conter

Chorei do fundo de minh’alma

Do fundo do meu ser

Lágrima que acalma

 

Ela se virou

E olhou para mim

A adrenalina jorrou

E eu senti enfim

 

Seus olhos brilharam

Veio algo que reluz

Duas lágrimas ainda rolaram

Mas eram lágrimas azuis

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

AMOR MUSICAL

Logo que te vi senti um Bach

 

Liszt

Não vou te fazer Mahler

Mas estou Verdi

De ficar Rossini

Paganini uma Haendel

Assim eu Villa-Lobos

 

Quero passear com você pela Ravel

Tomar umas Brahms

Saborear um Choppin

 

E depois Bizet sua Debussy

Fazer de você minha Puccini

 

Só quero fazer você Mozart

Só sei que vou te Dvorák

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

HISTÓRIA DE UM LOBO MAU

Você é cadela da cidade

Chique de verdade

Um belo pedigree

Bem diferente daqui

 

Eu sou lobo do mato

Selvagem de fato

Vira lata vagabundo

Filho do mundo

 

Você brinca sob o sol dourado

Sorriso iluminado

Ração importada

Casinha pintada

 

Eu caço a minha presa

Alma acesa

Faço minhas teias

A lua corre em minhas veias

 

Toma banho só no Pet

Põe fitinha no topete

Almofada para o sono

Mas você tem dono

 

Eu sou filho do vento

Meu uivo é um lamento

Vou pra onde relampeja e neva

Vou onde a música me leva

 

Você é uma cadela incrível

Mas nosso amor é impossível

Sou do bem... Sou muito legal

Mas serei sempre o Lobo Mau

 

AUUUUUUUUUUUUUUUUUU

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…

PROVA DE AMOR

 

No final provou seu amor

De maneira trágica e contundente

Tão triste... Tão cheia de dor

Tão bela... Tão comovente

 

Uns dizem que foi pura covardia

Outros dizem que foi ato de coragem

Dar fim a própria vida de maneira tão fria

A ousadia de fazer a última viagem

 

Após a discussão e a fatídica briga

Sentindo-se traído e abandonado

Com a faca cortou a própria barriga

E deixou seu derradeiro recado

 

No último suspiro exangue

Deitado em seu pobre leito

O nome dela escrito em sangue

Coagulado em seu peito

 

SIGMAR MONTEMOR

Saiba mais…