Posts de Isabel Cristina Silva Vargas (174)

BRONZE BABPEAPAZ

LIBERDADE

3541917896?profile=original

 

 

Homem ser criado à imagem de Deus.

Criação perfeita e sublime.

Livre, dono de suas escolhas,

E responsável por suas conseqüências.

Quem se atreve a se julgar dono da vida,

Dos pensamentos e atos de outrem?

Tolo e tirano quem coloca grilhões no semelhante,

É capaz de destruir a vida, provocar insanidade,

Destruir sonhos, comprometer o futuro.

Ruptura de paradigmas!

Insanidade!

Homem, livre arbítrio, liberdade, amor,

Alicerces de vida em sociedade,

De pátria livre e democrática.

Não é possível admitir violência,

Tortura, jamais!

Ignomínia contra a espécie.

Quem tortura rompe princípios universais

De direitos humanos.

Quem é violentado sofre ruptura interior

Difícil de assimilar, pesado para suportar

Impossível de entender.

Somos irmãos nas origens,

Nos princípios que cultivamos

Nos sofrimentos que nossas nações suportaram

Nos períodos de falta de liberdade e tortura.

União, luz nas consciências, objetivos comuns

É o que devemos ter como meta, sempre,

Para que tenhamos a América

Irradiando liberdade, paz

Exemplo para todas as Nações!

 

Isabel C S Vargas

PELOTAS/RS/BRASIL

 

 

 

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

OS DIAS DE DOMINGO

3541917895?profile=original

Quando pequena, era o dia de ganhar santinho

Do padre que visitava meu avô.

Foi, também, o dia de devorar livros,

Depois o dia de namorar,

De ir ao cinema, passear.

Mais tarde, o dia de descansar

Com os filhos pequenos sair

Para, no campo, se divertir.

O tempo passa...

Os domingos seguem os mesmos...

Dias de expectativa,

Com muitas alternativas:

Dormir, descansar, viajar

Amar, reunir a família, amigos.

Hoje, minha casa que reunia

Inúmeros familiares, vazia se tornou.

Meu domingo? Dia dos netos visitar.

Meu amor reiterar,

Minhas energias recarregar.

Isabel C S Vargas

                                                                     Pelotas/RS/BRASIL

 

 

 

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

CIÚME

Ciúme é um sentimento forte.

Para mim, da pior qualidade.

Sufoca, provoca perturbação

Não se conecta com lucidez,

Turva a razão, desnorteia o amor,

Tira a tranquilidade de ambos.

Ciúme é irmão da posse.

Quem tem ciúme

Pensa que o outro é objeto

Sem vontade própria e desejos

Pior que tudo, sem liberdade.

O outro nada mais é

Que extensão de seus bens,

Por isso tem ciúme.

Não quer perder o que possui.

Ciúme requer tratamento

Para evitar insanidade.

O ciúme é irracional e imponderável.

ISABEL C S VARGAS

PELOTAS/RS/BRASIL

 

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

VÍRGULAS

"A vida é um grande e complexo texto que precisa de muitas vírgulas para ser escrito, ainda que essas vírgulas assumam em alguns momentos o formato de lágrimas.”   Augusto Cury

3541917856?profile=original



Manhã de muito calor. Paradouro de estrada. Meus familiares entram para lanchar. Escolho uma mesa na área externa e acomodo-me à sombra. Providencio água e comida para meu cachorro que viaja conosco. Chega uma moto com duas pessoas, quase simultaneamente. Ao tirarem os respectivos capacetes e se acomodarem à mesa em frente à que me encontro constato que se trata de um homem jovem e uma senhora idosa. Ela permanece ali. Sorri para mim e ele entra no estabelecimento. Retorna com refrigerante gelado para ambos. Trocam algumas palavras, viram-se para mim, como à espera que eu participe da conversa. Faço algum comentário sobre o calor. É o sinal para que a conversa se estabeleça.
O rapaz conta-me que se dirigem par uma localidade próxima, no interior do município, percorrendo uma estrada de terra. Mostra-se otimista com as notícias de jornal que informam ter sido disponibilizada verba pelo governo para asfaltar aquela região. Está na última semana de férias e como não gosta de ficar parado está indo prestar ajuda aos cunhados na colheita do fumo. A sua mulher que não pode tirar férias do trabalho na mesma época permanecera em casa com o filho de 14 anos.
A senhora, pequenina, franzina, de cabelos brancos bem curtinhos, sogra do rapaz, conta-me que também pretende ajudar os filhos em suas tarefas. Fala-me de suas manias, seus gostos e preferências, entre elas a de que deseja permanecer morando sozinha enquanto sua saúde assim o permitir. A cada coisa que fala enfatiza que o genro é sua testemunha.
Até então, falávamos de amenidades, como em uma ante-sala de conhecimento. Quando ela começou a discorrer sobre coisas mais profundas é que fiquei a pensar na sua força interior, na sua tenacidade, gosto pela vida, na enorme capacidade de resiliência, inimaginável para quem se detém só nas aparências. Havia perdido um filho em um acidente de moto anos atrás. Uma perda desta natureza abate qualquer pessoa. Em se tratando de uma mãe, não existe, certamente, dor maior que esta. Difícil aceitação, recuperação e superação Quem permanece vivo, muitas vezes parece moribundo, tentando equilibrar-se entre a dor, a vontade de resistir ou deixar-se abater, procurando sublimar a dor para poder sobreviver. Mas não era só isto não. Só? Não é possível, pelo menos para mim, referir-se a algo tão intenso de maneira tão desproporcional ao seu impacto emocional. Tinha mais e isto ela contou para meu marido, quando ele veio trocar de lugar comigo: Havia perdido outro filho entre o Natal e o Ano Novo. Fiquei horrorizada ao saber do fato. Dissera ela que a morte é inevitável. Cada um tem sua hora e que nada podemos fazer.
Ao saber disso não pude deixar de lembrar o livro que lia, sobre Inteligência Multifocal de Augusto Cury que diz que só é grande quem consegue desvendar os caminhos internos, o seu eu e desenvolver o gosto e o encanto pela vida, apesar das dores mais profundas.
Vi naquela pequena grande mulher, um pouco do Vendedor de Sonhos do mesmo autor, que oferece vírgulas para cada um continuar sua história, enriquecer sua existência e encantar a todos.
Os pontos são definitivos, egoístas, encerram-se em si mesmo, não partilham histórias, tempo, experiências e encantamento.
Eles me pareceram exímios em colocar vírgulas nas suas vidas, estabelecer pontes por onde passam cortesia, amabilidade, generosidade (ao me ver sem uma bebida, apesar do calor, ao chegarem, ofereceram para dividir a sua comigo), sabedoria e resiliência que é a capacidade de se recompor a cada pressão sofrida.
Suas palavras para mim, antes de partir foram:- É isto que gosto, que acredito importante: conhecer pessoas, conversar, trocar idéias, experiências. O resto não levamos conosco.

 

                                ISABEL C S VARGAS

                                PELOTAS/RS/BRASIL

 

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

TEMPO

Tempo?

É senhor poderoso!

Ora rápido, outra se arrasta.

Ele dá, ele tira.

Soberano não volta atrás.

Conforme ele ordena

Somos súditos obedientes.

Embora inconformados,

Seus ditames seguimos sempre.

Tolo é quem não o aceita

Porque mesmo sendo ruim

Em determinadas ocasiões,

Também é remédio

Que necessitamos.

É inigualável para aplacar a dor.

 

Isabel C S Vargas

PELOTAS/RS/BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

MINHA TERRA, MEU CHÃO

Sou brasileira, sim senhor,

Sou gaúcha de coração e,

pelotense com muito orgulho,

a terra das charqueadas e dos doces.

Temos origem nas terras portuguesas 

de onde vieram nossos antepassados

e se juntaram a outros povos

italianos, japoneses, alemães

para um estado rico edificar.

Nossa bela capital,

a Porto Alegre dos casais

que um lar aqui criaram 

é rica, bela e acolhedora.

A Porto das tradições gaúchas

que para o Brasil expande

a Porto do mais belo entardecer:

O por-do-sol do Guaíba .

A cidade  das universidades,

dos parques, a Redenção de todos, 

das mais lindas mulheres

não só da cidade, do país,

mas de todo universo,

nossa Amada Ieda.

Terra de gigantes, dois grandes

que nossas fronteiras ultrapassaram:

Meu amado Grêmio, do azul do universo

Primeiro a galgar a Glória de Campeão Mundial

Seguido muito depois, por seu arquirrival

hoje também campeão.

Salve minha terra amada

exemplo de patriotismo,

de garra e de luta,

muitas fronteiras para o Brasil garantiu

com sua bravura e sua luta.

A Porto alegre mais alegre,

pois nela viveu Quintana,

poeta da simplicidade, do amor e amizade.

Adotada por Veríssimo,

o grande Érico escritor,

Do tempo e o Vento

que aqui no Rio Grande o consagrou

e para o mundo o popularizou.

Cidade onde nasceu o L .Fernando

das letras que conta a família Brasil

e, do sax que lhe deixa mais solto,

por sua grande timidez.

Meu estado, sua capital nosso orgulho

Por seus heróis , sua história e sua gente.

Isabel C S Vargas

PELOTAS/RS/BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

PARTILHA UNIVERSAL

Terra: nossa casa, nosso quintal, nosso santuário

Planeta habitado por seres,

Muitos deles alheios aos ditames a serem seguidos

Para sobrevivência de todos.

Como casa, necessita ser cuidado,

Como quintal, cultivado,

Como santuário respeitado.

Urge conscientizar as crianças.

Inocentes, folhas em branco

A espera de ensinamentos a preenchê-las.

Espalhar conhecimentos úteis,

Compartilhar boas energias,

Semear amor, cuidado respeito,

Fomentar a preservação.

Para cada coisa colhida, plante outra.

Não desmate, não polua os rios.

Não aprisione animais,

Não jogue resíduos industriais nos córregos,

Não polua o ar,

Não aterre os cursos de riachos, arroios,

Eles tendem a voltar e reivindicar seu espaço.

Colha o que a mãe terra oferecer,

Com a suavidade de quem bebe o leite materno,

Não colha além do necessário,

Distribua o excedente,

Preserve para as próximas gerações,

Suas atitudes garantirão a sobrevivência

Impedindo catástrofes, queimadas,

Desmatamentos, destruição das geleiras

Das camadas do ar.

Aja com sabedoria, generosidade e dê o melhor de si.

Copie o exemplo do solo,

Que ao ser trabalhado, remexido,

Muitas vezes aviltado

Retribui dando flores

Ou saciando a fome dos homens e animais.

ISABEL C S VARGAS

BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

SOLIDÃO

 

Já escrevi sobre este tema. Interessante que a descrevia como algo horrível.

Temia a palavra, a situação e suas circunstâncias. E, não foi há muito tempo, não.

Alguns poucos anos.

Acreditava que da solidão não resultaria nada bom. Pois bem, o tempo passou, vários acontecimentos, trágicos inclusive, sucederam-se e hoje me encontro só. E isto não me apavora. Sinto a falta daqueles que se foram e não mais estão neste plano. Mas estão em meu coração e em uma infinidade de lembranças. Estarão sempre fazendo parte de minha vida quando suas lembranças me fizeremeu sorrir e, até mesmo quando lágrimas brotarem de meus olhos. Compreendi que posso me sentir feliz por tê-los tido comigo durante anos.

Creio que estes acontecimentos e a idade me fizeram assimilar este estado como natural.

Todos iremos embora algum dia. Os que casam desejam seu espaço. É a vida segue seu curso natural. Comigo não foi diferente.

A sensação que tenho não é de amargura nem revolta. É sensação de paz, dever cumprido.

Fiz o meu melhor, só que isto não impede que o tempo siga irremediável e jamais volte em si mesmo. E, por isso, ele nos dá, nos tira, nos dá novamente, a oportunidade de nos encantarmos com coisas novas, momentos novos, que não substituem os outros, mas nos renova, apresentando a oportunidade de vivências maravilhosas , que nos dão a sensação de eternidade, na medida em que nossos frutos estão nascendo, desabrochando e começando um novo ciclo que nos ensina , sobretudo, sobre o ciclo natural de todo ser vivo. Nascimento, crescimento e morte. Temos que aproveitar e viver entre estes ciclos. E, depois ainda há o renascimento para uma nova vida, mas sobre isto nada posso falar, pois não vivenciei, minha fé é que me aponta para ele.

E, tendo vivido em toda a plenitude, tudo de belo que a vida poderia me oferecer, e não me refiro a nada material, aproveito estes momentos de encontro comigo, quando desfruto da tranquilidade , do silêncio e do canto dos pássaros que me rodeiam livres para recordar a beleza dos momentos vividos com todos que me são caros e que já se foram e me preparo para o alegre e esfuziante encontro com os que ficaram e que sempre voltam, porque o amor cria laços indestrutíveis que distância geográfica não destrói.

ISABEL C S VARGAS

BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

INVENTÁRIO EMOCIONAL

3541909100?profile=original

 

Sentimento insosso toma conta de mim,

Em um dia inodoro; nem a chuva tem cheiro.

E, como é bom cheiro de terra molhada.

Assemelha a lavação e louvação do Bom fim.

 

Lá todos se unem em um sincretismo religioso

Com intenção de homenagear o santo maior.

Neste início de ano todinho vazio

Ainda não entendi meus sentimentos.

 

A folha em branco da agenda aguarda

Nela colocar minhas boas intenções.

Era meu hábito durante muitos anos.

Até entender que o controle de tudo foge de mim.

 

 

Minhas intenções desmoronaram em um já distante ano

Que em cacos me deixou,

Meus intentos, minha alegria,

Que só foi ressurgindo anos mais tarde.

 

Em meio à reflexão buscando coisas em mim,

Ou tentando definir meus sentimentos, assimilo que:

Devo estar feliz em razão de 2O14 ter sido feliz;

Não sofri ausências definitivas.

 

Meu ânimo começa a revigorar frente a este inventário

Ganhei uma neta que veio trazer sorrisos e bênçãos,

Já tenho um item a colocar na agenda:

Iniciar o ano com otimismo!

 

A chuva cessa, o dia fica mais claro

Tento me animar e listar outros objetivos

A  buscar em 2O15

E seguir acreditando na vida.

 

Meu segundo objetivo é claro

Ter um olhar  atento às menores coisas,

Investir na saúde e na família, e

Seguir em frente com fé.

 

Conto com minha força interior

Com a minha família, e meus amigos

E as energias benéficas do universo

Transmitidas nos sonhos alimentados.

3541909301?profile=original

 

 

 

 Isabel C S Vargas

 BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

MENSAGEM

3541904953?profile=original

 

EM 2015 DESEJO:

 

 UM ANO NOVO MAIS FRATERNO,

 

COM MENOS VIOLÊNCIA

 

COM MAIS ENVOLVIMENTO

 

E COMPROMETIMENTO DOS PODERES CONSTITUÍDOS,

 

NÃO SÓ NAS TRIBUNAS,

 

MAS NO EFETIVO EXERCÍCIO DIÁRIO

 

VISANDO UMA SOCIEDADE MAIS JUSTA NA QUAL ESTEJA CONTEMPLADO:

 

AMPLO ATENDIMENTO DE SAÚDE;

 

MAIS VAGAS NAS ESCOLAS PÚBLICAS;

 

MELHOR REMUNERAÇÃO PARA OS PROFISSIONAIS;

 

MAIS PROBIDADE NOS ESCALÕES DO GOVERNO;

 

MENOS CORRUPÇAO;

 

ACESSO MAIS AMPLO E MAIS CÉLERE À JUSTIÇA;

 

MELHOR REMUNERAÇÃO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DA PREVIDÊNCIA;

 

MENOS INDIGENTES NAS RUAS;

 

MENOS CRIANÇAS E ADOLESCENTES SEM PERSPECTIVAS DE FUTURO;

 

RESPEITO AOS IDOSOS;

 

MAIS APOIO ÀS ENTIDADES CIVIS

 

QUE ATUAM NOS SEGMENTOS

 

ONDE HÁ CARÊNCIAS NÃO SUPRIDAS POR POLÍTICAS PÚBLICAS

 

OU ONDE INEXISTEM MEDIDAS PREVENTIVAS E SANEADORAS;

 

RESPEITO AO AMBIENTE;

 

PROTEÇÃO AOS ANIMAIS;

 

MENOS VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO;

 

MAIS TOLERÂNCIA;

 

MAIS FRATERNIDADE, GRATIDÃO

 

RESPEITO À VIDA E À LIBERDADE

 

E VERDADEIRO ESPIRITO CRISTÃO.

 3541904991?profile=original

3541905112?profile=original

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

MEU DESEJO DE NATAL

3541904395?profile=original

NÃO QUERO PRESENTE

 

QUERO A PAZ

 

CONQUISTADA NO COTIDIANO

 

COM RESPEITO PELO OUTRO

 

PELOS SEUS DIZERES

 

PELOS SEUS FEITOS

 

QUERO ABRAÇOS SINCEROS

 

PALAVRAS GENTIS

 

TRANSPARÊNCIA NOS PENSAMENTOS

 

NAS PALAVRAS E ATITUDES

 

QUERO SILÊNCIO DE CRIANÇA DORMINDO

 

RISOS INOCENTES

 

OLHOS ESPELHOS DE ALMA

 

ONDE SE OBSERVEM SENTIMENTOS

 

LÍMPIDOS COMO NASCENTE DE RIACHO CRISTALINO..

ISABEL C S VARGAS

PELOTAS-RS-BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

MEU JESUS MENINO

3541904672?profile=original

 

Desde que por gente me reconheço,

Teu nascimento é para mim,

Motivo da maior celebração.

Emociona-me tua trajetória, tua glória e tua cruz.

Perante a ti

Sempre me ajoelhei agradecida

Pela vida, a amada família, e as bênçãos recebidas.

Até que chegou o dia

De a minha cruz carregar

-sem querer a ti me comparar-

Então, não fui te louvar.

Tal a dor a me sufocar

Por meu doce menino

Ter ido em teu reino habitar.

Com o tempo seu curso seguindo

E meu coração, a dor aceitar.

Volto, diante de ti, a me curvar

Pelas bênçãos que não esqueceste

De me ofertar.

Nesta data a ti consagrada

Agradeço-te adorado menino

Pelos anjos que me mandaste

Para minha vida alegrar

Meus netos Otávio, Augusto e Francisco.

ISABEL C S VARGAS

PELOTAS-RS-BRASIL

3541904575?profile=original

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

3541903233?profile=original

          

            Ao longo da vida, vamos acumulando vivências, recordações, objetos. Algumas maravilhosas,ótimas,outras nem tanto.Muitas vezes agimos, no presente, de determinada maneira, em conseqüência das vivências do passado.

            Se formos inteligentes, procuraremos reproduzir as coisas boas e descartar as coisas que nos trazem más recordações, nos aborrecem, nos entristecem, relembram e reafirmam mágoas.

            Os atropelos do dia a dia, muitas vezes não nos deixam parar, refletir e fazer um balanço dos fatos de nossa vida, dos nossos sentimentos, das nossas emoções.

            É certo que acumulamos mais do que precisamos. Podemos viver com muito menos do que temos e muitas vezes , embora não percebamos , carregamos um fardo desnecessário. Certos objetos entulham nossos espaços físicos ,assim como certos sentimentos poluem nossa alma , não dando lugar para coisas novas e não deixando  nascerem e florescerem sentimentos bons.

            Quando chegamos ao final do ano, costumamos arrumar nossa casa, para festejar o Natal e receber o ano que se aproxima com tudo em ordem.

            Assim como fazemos faxina nos objetos, devíamos fazê-la na alma. Às vezes, é difícil jogar coisas fora, desfazer-se delas, mas temos que aprender a fazer isso. Tudo aquilo que guardamos  em excesso, acaba pesando.Então,joguemos esta carga fora. Muitas vezes me dizem: Isto me lembra tal pessoa, tal situação.  Eu também dizia isto. Só que as pessoas são muito mais importantes que os objetos. E elas, só podemos carregar em nossos corações. Aqueles que amamos um dia, nos acompanharão na eternidade. Quando daqui partirmos, não levaremos nada, a não ser o que tivermos gravado em nossa alma. Muitas vezes são recordações gravadas à fogo, doloridas. Mas a dor passa. Como tudo passa.

Então, nessa época, aproveitemos para nos despojarmos das dores, das mágoas, das tristezas, para recomeçarmos com o coração leve e a alma limpa. Aí, sim, o Natal terá acontecido  dentro de nós e poderemos recomeçar , como cada dia recomeça, único, cheio de esperança , mesmo que chova, porque a chuva faz brotar as sementes de uma nova vida.

                                                              ISABEL C S VARGAS

                                                              PELOTAS-RS-BRASIL

3541903400?profile=original

3541903435?profile=original

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

NATAL

3541903932?profile=original



NESTE NATAL
DESEJO AGRADECER
PELOS DIAS FELIZES
E POR AQUELES NÃO TÃO FELIZES
QUE NOS FIZERAM VALORIZAR OS PRIMEIROS.
AFINAL, A FELICIDADE É FEITA DE MOMENTOS.
AGRADEÇO
POR MINHA VIDA E PELA VIDA
DAQUELES QUE ME SÃO CAROS.
PELA SAÚDE, PELO TETO QUE ABRIGA
E PELA MESA FARTA,
QUANDO MUITOS TUDO ISTO PERDERAM.
AGRADEÇO
PELOS AMIGOS
QUE NÃO DEIXARAM DE ME CHAMAR,
AINDA QUE EU NÃO OS TENHA ATENDIDO.
PELOS ABRAÇOS QUE FORAM DADOS
E PELOS QUE NÃO FORAM,
POIS ESTA AUSÊNCIA MOSTROU
O QUANTO SÃO IMPORTANTES.
NESTE NATAL,
NÃO SÃO NECESSÁRIOS PRESENTES,
MAS PRESENÇAS AMIGAS,
DESPOJADAS DE RANCORES E MÁGOAS.
LEMBRANÇAS...
SÓ DE MOMENTOS BONS
E PESSOAS INESQUECÍVEIS
QUE POR ESTA CONDIÇÃO
ESTARÃO SEMPRE CONOSCO
COMO ESTRELAS DE LUZ
A GUIAR NOSSOS CAMINHOS.
DESEJO PARA TODOS
ALEGRIAS, PAZ E HARMONIA
ADVINDAS DA CERTEZA DO DEVER CUMPRIDO
DA FÉ INABALÁVEL NO SER HUMANO,
DA CARIDADE E DO AMOR

ISABEL C S VARGAS

PELOTAS-RS-BRASIL

3541904072?profile=original

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

MINHA ÁRVORE DE NATAL

3541904023?profile=original

                                                                                         3541904045?profile=original

                                                                                             

                                   Junto com minha neta armei minha árvore de Natal.

Nunca deixei de fazê-la, embora algumas vezes, com mais atraso, devido aos inúmeros compromissos. Quando meus filhos eram crianças, fazíamos como um ritual. Tinha que ser um momento em que todos estivessem presentes.Juntos , nos dividíamos na montagem.Muitas vezes acontecia certa confusão,quer pela pressa de uns em colocar os enfeites, quer pela maneira mais harmoniosa de outro que achava que tinha que prevalecer seu gosto na disposição dos enfeites.

Hoje, além dos enfeites colocaria na minha árvore certos sentimentos que gostaria que prevalecessem não só no Natal, mas em cada dia do Ano Novo, pois em certos momentos parecemos nos afastar deles, por um motivo ou outro.

Em primeiro lugar, colocaria o AMOR que é o sentimento que ao entrar no coração das pessoas leva junto muitos outros sentimentos bons, pois onde há amor há DIÁLOGO, COMPREENSÃO,HARMONIA, porque o amor nunca anda só, posto que não discrimina, não isola e não julga.

O amor iguala as pessoas, é PACIENTE, TOLERANTE, pressupõe uma boa dose de DEDICAÇÃO, porque à exemplo das plantas, precisa ser cultivado no dia a dia, através de diferentes gestos,pequenas demonstrações que indicam a disposição interna de cada um de cuidar deste sentimento para que ele cresça, floresça, se fortifique e dê bons frutos. Por isso colocaria também muita TERNURA e MANSIDÃO (o que é diferente de submissão ou subserviência), o que certamente evitaria palavras pronunciadas em horas impróprias, em tons inadequados, de forma ríspida, geradoras de desconforto, mágoas ou agressividade, visto que elas podem ferir tão fortemente quanto certas ações.

O amor, geralmente, se faz acompanhar também, da FÉ da CARIDADE e da SOLIDARIEDADE, tão indispensáveis para uma convivência mais equilibrada e mais justa.

É preciso que se coloque também BOM HUMOR, ALEGRIA, para afastar as tristezas e promover o equilíbrio necessário para uma vida sadia e de qualidade.

Todos estes sentimentos devem ter por base, a SINCERIDADE nos propósitos e a FIDELIDADE aos princípios que nos indicarão os caminhos válidos para alcançar objetivos, mantê-los e reproduzi-los ao longo da vida, objetivos estes que envolvem crescimento pessoal, relacionamentos duradouros, fortalecimento de sentimentos,

cumplicidade nas ações e conseqüente harmonização dos ambientes onde se desenvolvem.

Entrelaçaria tudo isto com muitos SORRISOS, ABRAÇOS e BEIJOS, e em cada ponto estratégico colocaria muitas doses de PERDÃO, pois apesar dos bons propósitos, ninguém está livre de cometer erros.

Junto a esta árvore, colocaria também muitos anjos, para lembrarmos dos amigos, que não podem faltar em nenhuma ocasião e com quem não devemos falhar, mas de antemão sabemos, que se porventura falharmos, eles não nos deixarão sós, pois sua GENEROSIDADE é uma marca característica e inconfundível.

Na ponta mais alta desta árvore, colocaria uma estrela brilhante, para nos lembrar que num momento em que tantos só olham para a terra que saibamos olhar para o céu e recordar do aniversariante e do VERDADEIRO ESPÍRITO DO NATAL, que envolve PARTILHA, DOAÇÃO e que saibamos ter suficiente HUMILDADE para pedir menos e AGRADECER mais.

3541904209?profile=original

 

                                                   ISABEL C S VARGAS

                                                  PELOTAS-RS-BRASIL

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

3541899869?profile=original

                                         

 

                 O homem é um ser desejante. Tem sonhos desde a mais tenra idade e são estes sonhos que os impulsionam para realizações.

A despeito disso, apesar da idade adulta e de realizações profícuas, ainda guardam em si desejos um tanto quanto infantis de ser alvo de uma grande experiência ou fortuna. Não fosse isso não se dedicariam a jogar incessantemente nos diversos tipos de loteria existente, visando tornarem-se ricos e passarem a ter uma vida encantada. Sim tudo isso envolve o mesmo encantamento dos sonhos e histórias infantis que tomaram contato na infância.

Por isso, histórias infantis cabem em qualquer época,

Assim como na atualidade existem muitas Alice perdidas no país das maravilhas, que nada mais são dos que situações em que a vida as colocou e das quais não conseguem sair tal o emaranhado de situações novas, inusitadas, nunca vividas e para as quais não sabem a melhor decisão a tomar.

Há muito a história de Aladim e a Lâmpada Maravilhosa deixou de ser história infantil, também. Se puxarmos por nossa memória relembraremos o seriado de televisão que foi sucesso por vários anos no horário da tarde denominado Jeannie é um gênio. Foi sucesso infantil, adolescente e adulto. O gênio que saía da lâmpada era uma mulher, a Jeannie que além de ter o dom de satisfazer desejos, não raro muito atrapalhados, era linda, encantadora.

             Na verdade, encontrar um gênio nada mais é do que um desejo de fugir do cotidiano, da luta diária, de fugir das limitações econômicas, das frustrações, das agruras de uma vida em que tudo é batalhado desde o amanhecer quando as pessoas devem enfrentar uma selva de pedra em busca do sustento familiar e no trajeto ainda se defrontam com a violência urbana, a falta de civilidade, tendo como pano de fundo um país desigual, onde os que deveriam ser exemplos de honestidade passam, em realidade, exemplos vergonhosos de falcatruas, de impunidade, de perversão e outros ilícitos, terminando tudo de modo a safarem-se da lei de uma forma acintosa à população.

            O gênio da lâmpada representa o modo de ter facilmente atendidos desejos básicos e universais de uma vida melhor, mais digna e menos suada por todos.

            Passar às pessoas que a vida não é feita de sonhos é tirar-lhes a mais remota esperança de felicidade. Então, que elas, nós, sejamos impulsionados pelo sonho sim, mas que aliemos aos sonhos, planos, trabalho, metas, e muito empenho para vencer por si mesmo, satisfazermos nossos próprios desejos o que fará com que o sentimento experimentado seja por demais gratificante. Sentimento de vitória, de realização plena, de autoestima aprimorada mostrando que o gênio está dentro de cada um.

Isabel C S Vargas

Pelotas-RS-Brasil

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

DANÇA DAS BRUXAS

3541897258?profile=original

                                             3541897346?profile=original

 

              É primavera nos campos do sul. O tempo já não é tão frio e as pessoas gostam de aproveitar a natureza.

             Desfrutar do sol e da brisa durante o dia e estender a permanência na rua à noite pela temperatura agradável.

              Ver o por do sol, admirar a lua e as estrela à noite na beira do lago é prazeroso.

             Os jovens começam a querer se reunir à noite e festejarem, namorarem, sob a luz prateada que ilumina o verde do solo.

    São momentos mágicos para a juventude que começa a experimentar a liberdade.

     Costumam fazer festas com muita música, muita dança e. na maioria das vezes, regadas à bebida alcoólica, cigarro, e às vezes outras drogas piores que as fazem perder a noção dos fatos e dos momentos.

      Para comemorar o dia das Bruxas  alunos de uma escola se reuniram em uma festa ao redor de fogueiras para fazer um evento com características próprias da data.

                Várias amigas se reuniram e começaram a dançar em conjunto ao redor da fogueira com movimentos harmoniosos como se chamasse para si a formosura das deusas de outrora que segundo as lendas invocavam para si os poderes das divindades femininas, exploravam os dotes de sensualidade e com esses dotes conseguiam encantar os homens e exercer uma grande dominação sobre eles e seus sentidos.

                  Nesta noite dançaram como as mulheres de outrora pedindo que as elevassem à categoria de seres poderosos que conseguissem fugir da categoria de simples mortais.

                 Formavam um grupo que à medida que a música se intensificava, os seus movimentos se tornavam cada vez mais inflamados e sensuais que todos à sua volta se mantinham parados, imóveis, como que sob o efeito de um encantamento do qual não conseguiam fugir.

                Passado o efeito mágico daquela noite do dia das Bruxas as pessoas são unânimes em afirmar que assistiram uma dança celestial realizada pelas deusas do amor, da sedução, do encantamento, da fertilidade, que os prendeu a todos em um momento de grande enlevo que só cessou quando eles perceberam elas se afastarem num rastro de luz até a lua que brilhava como um disco de prata no céu.

                                Seriam fadas, bruxas, anjos, deusas? 

 

                                              Isabel C S Vargas

                                              Pelotas-RS-Brasil

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

DIA DE HALLOWEEN

3541897215?profile=original

Dos povos celtas veio a tradição do Halloween

Comemora-se nos países ocidentais, em especial,

Nos E. Unidos, trazida pelos Irlandeses.

A data? Em trinta e um de outubro.

3541897286?profile=original

 

Conta a tradição que na véspera do Dia de Todos os Santos

Os Espíritos saem dos túmulos para tomar os corpos.

Os celtas para espantá-los utilizavam objetos assustadores.

Prática condenada pela Igreja na época da Inquisição.

3541897341?profile=original

 

Nesta triste época as pessoas que seguiam o costume

Eram perseguidas por ser festa pagã.

Este dia foi denominado Dia das Bruxas

E os condenados levados à fogueira.

3541897423?profile=original

 

Para diminuir o sentido pagão

A Igreja na época medieval criou o Dia de Finados

Para cultuar os mortos e diminuir os símbolos macabros.

Porém, o costume foi seguido por crianças também.

3541897453?profile=original

 

No caso acima, com cunho de diversão

Auxiliados pelas mães, os pequenos

Brincam no Dia das Bruxas, brincando de assustar

E em troca disso, ganham guloseimas.

 

3541897341?profile=original

No Brasil a introdução é recente.

Sobretudo, criticada, por não fazer parte de nossos costumes

E, por termos um rico folclore a ser explorado.

Criou-se, então, o Dia do Saci em trinta e um de outubro.

3541897341?profile=original

 

Tradição é importante, folclore é cultura a ser preservada.

Lembrar fatos passados vividos pelos povos, entender e valorizar.

Condutas recriminadas devemos lembrar para não serem repetidas.

Postura crítica é importante. Passar ensinamentos úteis também.

 

3541897341?profile=original

Com o dia de Halloween as pessoas aproveitam

Para exorcizar seus medos de forma lúdica.

Divertir as crianças, voltando a serem crianças.

Viram bruxas para espantar o que as aterrorizam.

Isabel C S Vargas

Pelotas-RS-Brasil

 

 

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

AMOR INTENSO

Amo-te! Sinto tua falta

como a do sol que brilha no céu

a dar calor para nossas vidas.

É tua presença querida, sentida,amada

que enche meus dias´.

É tua voz que dá o tom

como se fosse música

a ritmar meu coração.

É teu sorriso, franco, alegre, matreiro

que me alegra.

Vejo teu rosto a toda hora,,a todo momento.

Não paro de pensar em ti

nos momentos que passamos juntos

nas nossas conversas,no teu olhar cúmplice

no teu corpo perto do meu.

Não sei como tenho vivido

sem tua presença física

pois de meus pensamentos

não te afastas nunca.

Te amo.

Sofro por não te ver

Sofro por não ouvir tua voz.

Quero-te sempre comigo

a dar sentido à minha vida.

Isabel C S Vargas

 

Saiba mais…
BRONZE BABPEAPAZ

DIA DO PROFESSOR -ACRÓSTICO

3541894612?profile=original

        

 3541894633?profile=original

 

Dia tão especial para os professores

Incríveis magos da educação,

A cada obstáculo que tem de vencer.

 

3541894687?profile=original

Denodados, despojados de auxílios básicos

O seu labor é dificultado por condições adversas.

3541894712?profile=original 

 

Professor é profissão, carreira,

Ressalto o outro aspecto que encerra.

O amor pelos alunos, seres, às vezes,

Feridos na alma, no corpo, aviltados

Espoliados de seus mais básicos direitos,

Sim, professor acumula ofícios.

São representantes do afeto de pais, mães,

Outras são psicólogos, são em si mesmo

Representação do Divino em sua missão.

3541894643?profile=original

Isabel C S Vargas

Pelotas-RS-Brasil

 

Saiba mais…