Sobre mim

Género

Masculino


Localização

São Carlos - São Paulo - Brasil


Aniversário:

Setembro 6


Nome completo e pseudônimo, se houver:

Isaac Soares de Souza - (isaacseixas)


Como chegaste à Rede Belas Artes Belas?

Através da Internet


Minicurriculum:

Poeta, compositor com algumas músicas gravadas e escritor com 15 livros publicados, 8 deles sobre Raul Seixas, de quem foi amigo, 2 sobre Bob Dylan e 2 livros sobre Zé Ramalho, além de livros de poesias e pensamentos.


Links para sites, blogs e perfis em redes sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100008673158635 *** Facebook: https://www.facebook.com/isaac.soaresdesouza.923 *** Facebook: https://www.facebook.com/isaacseixas


Minhas Conquistas


Pontos ganhos: 20

"Um dia frio, um bom lugar pra ler um livro,
Mas que seja um livro que lhe sirva de espelho
e que mova e incite o seu pensamento,
nunca um livro agourento
de autoria do mago de araque Paulo Coelho...
Que seja um livro de poesia, filosofia,
romance clássico e nunca essas estórias de amores baratos
Pensamentos feitos ou pornografia
Mas sim um livro que o transforme numa pessoa eloquente
pensador ardente
livre de peias
que ilumine a alma da gente
Pois um dia frio é um desafio
induz o ser ao amor ou à leitura
de um bom livro
e não de um calhamaço de folhas brancas manchadas de preto
Porque um livro mal escrito,
eu leio e regurgito
como se tal alimento estivesse vencido
e o maior nutriente cerebral de um indivíduo,
além da comida é um bom livro...

DEUS...HUMANO!
Isaac Soares de Souza & Marcelo Aratum

Oh! Senhor Deus...humano,
Oh! Senhor injusto!
Eu que sou fruto da sua criação
cambaio vagueio pelo orbe sem direção
esperando o dia em que estenderás a sua assassina mão
para me matar feito um cão
Todo-poderoso, o maior pecador e preconceituoso
Por que fazes isso?
alguns nascem ricos, outros de escravos,
outros miseráveis, alguns avaros
Dividiste o mundo em duas partes
Porque as pessoas que o criaram
são do mesmo naipe que o Senhor,
de cabelos lisos e olhos azuis,
enquanto os de cabelos encaracolados e olhos negros, os amarelos,
os índios e os judeus
e aqueles que vivem nas galés como eu,
sobrevivemos nas margens da imundície e da loucura
Você não é mais o meu Deus
Tenho o mesmo direito de criar o meu próprio Deus
Assim como os homens poderosos e mentirosos, assassinos indecorosos criaram o seu
mas o meu Deus, não será como o Deus dos homens,
ditador, assassino e preconceituoso
o meu Deus será revestido de amor e glorioso,
Não permitirá aos mais fortes pilhar os mais fracos
nem mesmo massacrar as mulheres
pois, do ventre delas, aqueles que vierem
serão céleres em cultivar a paz
que há milênios jaz
nos púlpitos de suas catedrais
insanas e infernais
a disseminar a discórdia entre os homens,
as raças, etnias e religiões
mastins selvagens são os seres
que criastes entre as hastes do érebo
Suas criações apócrifas
são profusas drosófilas
e O transformaram na bandeira negra da segregação
O seu poder eu renego,
Pois o que eu quero e almejo
é apenas um lampejo
de real liberdade
para a humanidade
que dividistes em castas
imundas e nefastas
a esperar em vão
uma nesga da sua benção!
DEUS...Humano!

"PATTI SMITH WITT"
Isaac Soares de Souza/Jotabe Medeiros

Com o dedo em riste
um indivíduo com o cabelo desgrenhado como um beatnik
No átrio da Igreja de St. Mark s aponta e insiste
e ela o Dylan de saias, Patti Smith, witt
Todo janeiro Patti sobe ao altar para berrar e cantar poesia
Na igreja georgiana de pedra
E se revesa
entre loucos no santuário da arte construído em 1660
que ja recebeu em seu altar poetas de almas sedentas
Jovens despenteados, surrados pelo destino, garotas loucas e velhos com toucas
iguais àquela de
Jack Nicholson em Um Estranho no Ninho
Meu coração em completo desatino
se rende ao talento de Patti
assim como ela se rendeu a loucura de Rimbaud
E minha alma pede
Sempre uma nesga de poesia e de amor!!!

Minhas formigas são antigas, vivas e nocivas, invictas passeiam em meu cérebro, são como o Cão Cérbero vigiando o portal do inferno que habita meu ser, nesta Divina Comédia que é o meu viver. Minhas formigas são antropófagas, me ferroam sem cessar, sugam minha energia, passeiam soberanas em minhas artérias, são como bactérias de uma doença rara, o meu tormento, minhas formigas são os meus pensamentos, todos eles dedicados ao humano, neste imenso persigal que é o mundo "i"mundo e insano, trotam anos e anos, séculos e milênios e o ser humano, cuja vida é semelhante a um ânus, galopa rumo ao despenhadeiro, perdido em meio a esse imenso formigueiro, cuja espécie chamada de formigas colheitadeiras matam, se matam entre si, envenenam e são alcalinas, assassinas, enfim, minhas formigas são raras de uma espécie pensante e que a cada instante trabalha num árduo e inconstante transporte d fardo de viver, carregando no dorso 100 vezes o seu próprio peso teso para sobreviver livre em sua colônia de divisão de afazer. Entre as 20 mil espécies de formiga ativas no mundo, há uma espécie a qual não quero nenhum parentesco, espécie de formigões grotescos, que são os humanos, dotados de ferrões venenosos, imundos e danosos, que a tudo devastam...

As formigas se comunicam através de uma substância química chamada de feromônio, já as formigas humanas se comunicam com o dialeto do demônio. À medida que elas vão andando, deixam para trás um rastro dessa substância, que é percebida através das antenas. Essas formigas se defendem ferroando e injetando em suas vítimas o ácido fórmico, que causa muita irritação.

A alimentação das formigas dependerá da sua espécie: algumas são carnívoras, outras herbívoras, mas a maioria das formigas é onívora, ou seja, elas comem de tudo, animais, vegetais e restos de alimentos humanos. Essas formigas, sugadoras da seiva da vida, são s chamados humanos. Portanto, as minhas formigas, não são comandadas por nenhuma rainha-mãe, são livres e no declive de meu cérebro, elas pululam meus pensamentos...

Respeito o cara que é preto e que serve aos seres dejetos,
Respeito o cara que é índio, verdadeiro dono das terras,
que causam posses, assassinatos e guerras
Respeito o cara que é judeu,
Respeito a prostituta, que alimenta a tara dos ditos casados e honrados,
infiéis e santificados pela mentira
Só não tenho respeito pelo ser político,
gatuno, demagogo e raquítico,
Respeito o cara que furta pra comer,
pois de fome ninguém merece morrer,
só não há respeito para o policial
fardado a serviço do mal
da tortura e do assassinato de negros
a serviço do Estado, desgraçado e explorador
Respeito cego ao humano,
que desde o dia em que nasce começa a morrer
Respeito todos os seres massacrados,
pobres e desonrados
pela sociedade hipócrita,
que mata incógnita e escraviza o desvalido
depois vai à missa e reza a Deus,
Fiel escudeiro desse mundo de posseiros
de gente que possui influência e dinheiro
só não possui amor, igualdade e respeito
a quem de direito
merece liberdade,
e condição de viver
além das muralhas dessa cidadela que é a vida
Deus não se importa com tanta gente morta,
de fome, de água e de pão, de vida vivida fora das grades dessa prisão,
desprovida de terra, de teto e de educação
dirigida por uma elite de biltres com seus controles nas mãos.

Comentários realizados pelos meus amigos

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.

Uma palavra de carinho, ainda que virtual, sempre é bem recebida.
Deixa aqui, um recadinho para todos os amigos.

Comentários para os membros

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.

Meus Blogs

Minhas Discussões

Meus Artigos

Minhas Fotos

Meus Vídeos

Recadinhos

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.

Últimas atividades

gilda aparecida augusto e Assis Coimbra agora são amigos
Há 52 minutos
DILMA FAYER left a comment on Recadinhos
Há 58 minutos
Carlos Manuel Correa da Silva posted a blog post
Há 2 horas
Carlos Manuel Correa da Silva commented on Carlos Manuel Correa da Silva's blog post O caminho das águias
Há 3 horas
Joaquim Custódio dos Santos More commented on Joaquim Custódio dos Santos More's blog post A CULPA É DO MAR
Há 3 horas
Joaquim Custódio dos Santos More posted a blog post
Há 3 horas
ઇઉ Ronilda David curtiu o post de NÔMADE DEFINIDO E DECIDIDO...
Há 3 horas
ઇઉ Ronilda David commented on NÔMADE's blog post DEFINIDO E DECIDIDO...
Há 3 horas
ઇઉ Ronilda David commented on NÔMADE's blog post DEFINIDO E DECIDIDO...
Há 3 horas
Tereza Cristina G Mendes Castro posted a blog post
Há 3 horas
ઇઉ Ronilda David curtiu o post de Carlos Manuel Correa da Silva O caminho das águias
Há 4 horas
ઇઉ Ronilda David commented on Carlos Manuel Correa da Silva's blog post O caminho das águias
Há 4 horas
ઇઉ Ronilda David commented on Carlos Manuel Correa da Silva's blog post O caminho das águias
Há 4 horas
ઇઉ Ronilda David left a comment on Top30 Brasil
Há 4 horas
ઇઉ Ronilda David posted a blog post
Há 4 horas
Francisca de Caldas Menduiña left a comment on Recadinhos
Há 6 horas
Francisca de Caldas Menduiña commented on eduardo prearo's blog post Será?
Há 6 horas
Francisca de Caldas Menduiña commented on Maria Fernanda Reis Esteves's blog post Robot (woman)
Há 7 horas
Francisca de Caldas Menduiña commented on MARGARIDA MARIA MADRUGA's blog post PARABÉNS ROBERTO ATTIAS!
Há 7 horas
Francisca de Caldas Menduiña posted a blog post
Há 7 horas
Mais…

Blogs do Portal

Fórum cultural