Sobre mim

Género

Masculino


Localização

Loures


Aniversário:

Junho 20


Nome completo e pseudônimo, se houver:

Frederico de Castro


1 - Local da residência: cidade, estado e país. Por motivos de segurança, não indicar endereços completos.

Portugal


2 - Como chegaste ao Portal BABPEAPAZ?

Convite


3 - Minicurriculum:

Escrever poesia é combustivel que sustenha a minha alma.


4 - Concordas que utilizarás o Grupo Sensuais e Eróticos SE publicares imagens de nu explícito?

Sim


5 - Link para site/blog próprio.

fredericodecastro


6 - Insira aqui os links para os teus perfis nas Redes Sociais.

fredericodecastro.wordpress.com


7 - Publica três poemas, textos ou imagens da tua autoria.

NO GUETO DOS SILÊNCIOS A alma fugiu sózinha deixou outra companhia entristecer-se entre as lágrimas que lavam meu céu onde por ti de certeza, eu me afogaria Eis o disfarce do dia onde nem mais se escurecem nossas vestes dormitando na poltrona do tempo Eis minha ausência esquecida no gueto dos silêncios onde tatuamos nossos beijos furtivos desaguando pela ladeira de tantos desejos Eis que palmilho até teus pensamentos murmurando a doce palavra que se desprende na manhã em fragmentos apaziguando todas as solidões trajadas de desalentos Eis…o amor desassossegado deambulando escuso ensopando meus olhos num mar de cascatas vagueando pelos lençõis dos teus céus onde me perdi vagabundeando Eis as tuas margens onde navego sem rumo certo perfumando todos os aguaceiros que me embriagam com teus galanteios e onde me albergo no regaço dos silêncios que num verso sereno desnudo e ateio Eis toda a luz que afago na tua escuridão vestindo-te de estrelas onde sei brilharás de prontidão engarrafando cada segundo de eternidade onde desembarcamos nossos seres no ancoradouro de todas as capitulações Eis meu poema travesso gravado na ladeira das saudades ateando cada fantasia algemada ao monitor das nossas perplexidades onde se alimentam os mesmíssimos beijos acometidos de fecundidade Eis a sedução dos teus abraços envolvendo-me cada dia na masmorra onde me castigas num laço gargalhando de cumplicidade Eis- me no retiro dos silêncios onde aromatizas cada latido que escapa na virtualidade de tanta formosura quando me lambuzas num olhar de alvoroço que me deixa assim... à beira da loucura Frederico de Castro CINZAS DO DESTINO Reparto com o coração dois gomos de felicidade latente desmaiando em qualquer página de saudade passarinhando pelas batentes do tempo Resguardo nossos retratos selando cada memória guardada nos atalhos de tantos abraços colhidos nestes versos tão estupefactos Resta esconder-me no abrigo dos nossos silêncios repleto de sonhos endoidecidos vincando este ultimato de palavras trajadas de arrebatados anseios sossegando o recato onde delineio todos os meus devaneios Abrevia todos o meus castos beijos urdidos na maciez dos teus desejos quando escolto a madrugada embriagando-me de galanteios Apronta-me a lubrica manhã que se estende à janela de todas as solidões iluminando cada ramo desta harmonia esguia que flerta até os insensatos corações Acode-me as tristezas suspensas nos galhos de tantas capitulações Alvorece por fim na plenitude das minhas alegrias toda a vida revivendo cada molécula que sussurras em correria quisera eu fizesses eco deste amor sobrevivendo ecoando insano…em euforia deixado na berma deste destino vagabundo irrompendo tão clandestino Frederico de Castro ADÁGIO MATINAL Além dos meus silêncios reside um tempo habitando as noites onde calço cada lágrima se espezinhando solitária pelas calçadas da vida pavimentando os pensamentos algemados no hospício dos meus poros em velamento Deixei de seguir a existência das coisas banais…absoletas Resgatei somente e elasticidade de um beijo encostado ao recife dos teus afagos Prontifiquei-me a morrer coreografando os desejos ensaiando o derradeiro abraço deixado no púlpito dos teus braços Conto parir um poema na afeição breve de um lamento agregado aos delírios fumegantes de um ópio em teu ser todo irradiando de rebuliço ofegante Deixa-te inundar pelos silêncios suaves num espasmo quase aconchegante Conjectura comigo toda a conivência deixada no prefácio dos meus prantos Completa a moldura onde deixamos o retrato feliz das nossas almas forrando cada prece no lambrim dos instintos itinerantes Retrata meu tédio saltitando de insanidade sugando teus gracejos desejando-te num cataclismo quase expectante Mostra-te no museu dos meus sonhos onde fantasias este anoitecer conformado trombetando ao mundo este amor empolgante que espera….espera de tanto te apetecer… alucinante desespera Frederico de Castro


Minhas Conquistas


Pontos ganhos: 180
TOP BABPEAPAZ

0

Comentários dos meus amigos

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.

Mensagem carinhosa para os membros do Portal

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.

Meus Blogs

Minhas Discussões

Meus Artigos

Minhas Atividades

Frederico de Castro Fernandes left a comment for Nieves Merino Guerra
"Olá Nieves que bom saber que tb está neste cantinho da poesia
Abraços
FC"
Set 7

Categorias das conquistas

- Top BABPEAPAZ -
Destaque conferido pela Criadora da Rede aos poetas, escritores e artistas que se destacarem no mundo cultural e artístico.

- Diamante BABPEAPAZ -
1.000.000 pontos
*
- Ouro BABPEAPAZ -
750 mil pontos
*
- Prata BABPEAPAZ
500 mil pontos
*
Bronze BABPEAPAZ
250 mil pontos
***************
Essas categorias são atribuídas a partir dos níveis de interatividade na rede.

Conquistará uma categoria quem atingir os 100 mil pontos. Se não lhe foi atribuída nenhuma categoria, participe, ganhe pontos e conquiste uma!

Quer ser um Diamante BABPEAPAZ?
Participe e ganhe pontos!

Orar por Marcelo

OREMOS POR MARCELO

Recadinhos

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.

Últimas atividades

MARGARIDA MARIA MADRUGA left a comment on Top30 Brasil
Há 2 horas
MARGARIDA MARIA MADRUGA left a comment on Recadinhos
Há 2 horas
MARGARIDA MARIA MADRUGA left a comment on Recadinhos
Há 2 horas
MARGARIDA MARIA MADRUGA left a comment on Recadinhos
Há 2 horas
MARGARIDA MARIA MADRUGA left a comment on Recadinhos
Há 2 horas
Gustavo Antonio Drummond posted a blog post
Há 4 horas
Ciducha Seefelder commented on Ciducha Seefelder's blog post Vontade de você...
Há 5 horas
benedito c g lima posted a blog post
Há 6 horas
Elias Antonio Almada posted a discussion
Há 8 horas
DILMA FAYER left a comment on Recadinhos
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Francisco Martins Silva Árvore centenária
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Francisca de Caldas Menduiña DE VOLTA AMOR
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de José Lopes Cabral Taças vazias
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de José Lopes Cabral Cúmulos - soneto
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Gustavo Antonio Drummond ESPALHANDO O AMOR
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Sidnei Piedade Para sempre ao seu lado minha eterna poesia_Sidnei Piedade_Formatação Safira Saldanha
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Vinícius Antônio Bittencourt PRAIA
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Vinícius Antônio Bittencourt VERÃO II
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de Etelvina Gonçalves da Costa DIAS HÁ
Há 8 horas
Elias Antonio Almada curtiu o post de NÔMADE HOMENAGEM PARA AS POETISAS E AOS POETAS
Há 8 horas
Mais…

Blogs do Portal

Fórum cultural