Posts de Carlos de Campos Teixeira Junior (166)

A casa

A casa

Permita-se ser a beleza da manhã
O bálsamo da alegria
Os luminares que nos guiam
Na triste tarefa da vida.

O caminho se encontra emaranhado
Dificilmente conseguiremos seguir sozinhos
É necessário estarmos sempre acompanhados
Pavimentando as emoções.

Empoderando com cuidado as ações
Observando tudo a nossa volta
Assumindo somente o que nos faz feliz
E tudo o que nos produz harmonia.

Motivos temos de sobra
Para trabalharmos nossas emoções
Interiormente precisamos
Romper com o passado.

Transformação é o que buscamos
Das bagagens pesadas nos desfazermos
Os acúmulos inúteis em nosso ser, organizarmos.

Submetamos os pensamentos negativos
Ao crivo do observador lúcido
Onde possamos encontrar o pleno equilíbrio.

Carlos de Campos

Saiba mais…

Glorioso dia

Glorioso dia

Uma vez mais, encontro-me em alegria
Num dia que transmite profunda simpatia
O desejo, assim floresce com igual empatia
Acolho cordialmente a solidão.

Insatisfação misturada a ingratidão
Venenos tão mortais
Em pessoas tão banais
Que cultuam a própria morte.

Amigo vem comigo !
Preparemos o banquete da confraternização
Em nome da Senhora Felicidade
Diamante raro como este, não há.

De monumental beleza
Olhares sempre atentos a observar
O brado da Vitória
Pelo glorioso ressurgimento da Fraternidade.

Carlos de Campos

Saiba mais…

Somos nossas escolhas

Somos nossas escolhas

O recanto estava quente e florido
Repleto de frutos e flores
Havia, também, muita abundância de amor.

Alguém que observe atentamente a natureza
Sabe identificar todo o seu potencial
Sua capacidade de nos sustentar e oferecer sua beleza.

Ah! Quantas atitudes tomamos que violentam a mãe Terra
Que vai incomodando sua harmonia
Silenciosamente, ela procura ir se superando.

Indiferentes, simplesmente permanecemos
Até o dia que não terá mais volta.
Então, teremos que encarar a renovação dura.

Experimentaremos sua força avassaladora !
E pagaremos por todos os desmandos que contribuímos e provocamos.
Ninguém, será capaz de se esconder
Ninguém !

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Superar o querer

Superar o querer

Aconchegante em ti me encontro
Enquanto os teus beijos me surpreendem
Com olhar avassalador lançado para dentro do meu ser.

Me anima caminhando ao meu lado
Aguardando sempre o melhor para nós dois.

Observamos, a borboleta pairando sob a flor do amor
Símbolo da generosidade
De um querer que se absteve com alegria.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Encontro

Encontro

Sua pele macia é igual a nuvem do céu
Que baila diante dos meus olhos
Diferente de todas que já conheci.

Em teu preciso semblante
Difícil é o meu contentamento
No sublime exercício de amar você.

Promovo esse encontro
Entre os nossos corações
Sereno me encontro
aguardando tua chegada.

Carlos de Campos

Saiba mais…

Mudança

Mudança

Muitas são as intempéries da vida...
Fruto das contradições no interior
Onde os pensamentos voam sem destino.

A morte é nossa amiga !
Não nos permite acomodações...
E, muito menos, erros nas decisões.

No íntimo, cultivo um desejo :
Viver e ser.
Quem sabe, um dia, amar você ?

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Universo de Possibilidades

Universo de Possibilidades

O mistério da vida está ao nosso alcance
É um oásis a nos convidar
Todo o dia, um novo dia.

Vivenciamos cotidianamente diferentes problemas
Trabalhando ao máximo para extrair o melhor do sucesso
Habita em nós o poder de transmutar.

Acolhamos com respeito a energia
Que dá fundamento ao universo
Manifestando nossos sonhos e anseios.

A falta de criatividade nos torna pequenos
Resumimos a força criadora
A partir de nosso "mundo"
Esquecendo de contemplar o universo em sua íntegra.

Olhe atentamente e veja
A realidade gestada a cada novo segundo.
Os labirintos das relações se intensificando.

O processo é complexo
Para absorver no entendimento
Na prática tudo fica bem mais simples.

A experiência nos revela
Que, no caminho da busca, tudo se desvela
Num grandioso universo de Possibilidades.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Motivos de sobra

Motivos de sobra

Não percas o equilíbrio!
Acolha os pensamentos
Trabalhe no íntimo da alma.

Quando tudo lhe parecer estranho
Saiba que a solução está em ti
Em teus sonhos.

Tu, artífice do novo tempo!
Mediador da transformação!
Jardineiro das boas vibrações !

Elixir do sucesso
Razão que nos dá sentido
Esperança do nosso progresso.

Suavidade no caminhar
Morada em que desejo habitar
Sustento do novo dia.

Quero olhar com afeto
Contemplar nossa história
Para, de novo, existir.

Carlos de Campos

Saiba mais…

TUA FORÇA

TUA FORÇA

O que busco em meu âmago
Além da minha própria intimidade
Tornando-se amiga dos meus próprios sofrimentos ?

Procurando o Amor que existe em mim sem limites.
Normalizando os desequilíbrios que insistem...
Sou, de superações, nutrida.

Somente lhe peço uma única coisa :
-Sê tu a felicidade !
Enamorada de tua existência.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Liberdade no ser e existir

Liberdade no ser e existir

Prescrutem os vossos corações
Diante das insalubres condições
Que vos são impostas enquanto mulheres.

Foliões da legislação brasileira
Mentecaptos robustecidos pela própria ignorância
Infames da honra feminina.

Liberdade é o que galgamos
Queremos simplesmente nossas escolhas optar
Sem nos sentirmos barbarizadas.

O preconceito sempre existiu e, claro que continuará a existir
O importante é lutarmos para que possamos naturalmente respirar
E todo o resto somos capazes de conquistar.

Liberdade quero voar !
Em tuas asas permanecer
E com os teus sentimentos, muito sonhar.

Sou mulher
Sou feminina
E o principal, sou dona do meu nariz.

Minha existência está pautada no Amor
No agir silenciosamente
No êxtase da simplicidade que é o existir.

Carlos de Campos

Saiba mais…

Essencial

Essencial

A prudência orienta o ser
Os ânimos vão se aquietando
Muito além de mim.

Estou inteiramente livre
Os pesadelos, sem forças, me deixam.
Sou apenas uma mulher feliz.

Vivo a vida simples
Plena em equilíbrio
Na constante busca de minha, ainda, melhor versão.

Sou mulher de um belo sorriso
Transparente por natureza
Desejosa pela essência.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Menina, mulher e revolucionária

Menina, mulher e revolucionária

Paulatinamente você vai despertando-se
Imperativo do cuidar
O sonho que tantas vezes sonhou.

Muito já foi dito de tua beleza
Muitos, até, por tua capacidade especularam
No final, você se superou amavelmente.

Tenho a honra de estar ao teu lado
Testemunhar as épicas batalhas travadas por você
Na suprema fidelidade para salvaguardar a vida alheia.

Matriarca e esposa
Dependente apenas dos teus sonhos e projetos
Na consciência livre e totalmente desapegada.

Ímpar no amor
Lutadora e feminina
Onde tudo e todos gravitam ao teu redor.

Repleta de vitalidade
De semblante aconchegante
A mais pura essência na vida de um homem !

Mulher, Heroína ! Digo sem qualquer bajulação
Pois, na sociedade em que vivemos
Ser mulher no dia dia é constante humilhação
Tu, Mulher !
És o mais nobre símbolo da paz !

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Entretom

Entretom

Seu querer é decisivo
Íntimo e lascivo
Te procuro diariamente.

Deleite pros meus olhos
Muitos são os que te admiram
Fiéis aos teus comandos.

Teu ser encontra-me
Monitorando os pensamentos
E, submetido assim permaneço.

Ao teu pedido solícito me apresento
Livre de qualquer constrangimento
Felicidade sem pudor
Repleta de contentamento

Sou teu servo
Obelisco e amante
Meu doce romance.

Em teu corpo me perco
As mãos tanteando te buscam
Eterno caminho de êxtase e dor.

Sou tua Solidão
A calma pro teu coração
Jardim refrescante Tua alegria.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Morte ao consumo

Morte ao consumo

Mudamos nossa percepção
Passivos nos tornamos
Vivemos presumindo traições.

Jogamos para vencer custe o que custar
Munidos de ansiedade
Nos encontramos no caos da autodestruição.

Intimidados? Nunca!
Na batalha que travamos entramos para vencer
E é por isso que a vitória nós aguardamos.

Carlos de Campos 

Saiba mais…

Unidade ou morte!

Unidade ou morte! 

A liberdade seduzida corre perigo
E as conquistas vão se perdendo
Incomodados e satisfeitos simplesmente permanecemos.

Diminui a confiança...
Aumentou o desespero de um futuro incerto
Somos causa do genocídio.

Cabisbaixo...
Introvertido...
Quase desesperado.

Morte! Oh! Morte!
Destrua-nos e pulverize esse momento lastimável
Assinamos a sentença de morte.

Uni-vos! Uni-vos!
Na labuta do bom senso
Deixando a patética irracionalidade.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Você é Deus em ação

Você é Deus em ação.

Deus é você,
transformando a realidade.
Gerindo as emoções.

No processo da existência,
Sua inocência foi ludibriada
Por histórias supervalorizadas.

Muitos preferem como está.
Outros, resolveram tudo racionalizar
Basta de manipulações !

Deus é você revendo a história,
Posicionando-se contra a opressão religiosa.
Optando e retomando a liberdade.

Carlos de Campos

Saiba mais…

Acolhimento

Acolhimento

Momento propício para progredir
Poder interior
Focados seguimos.

São muitas as provocações,
Dias inteiros de frustrações
A última palavra é nossa.

A vida é assim.
Existem situações que nos desanimam
Outras nos eleva ao êxtase.

O importante é reagir
Nunca permanecer onde chegou
A luta só começou.

O ideal é desfazer os rancores
Em que nem os sentidos compreendem
Porque tantos desamores.

Somos capazes de construir
Um lar dedicado à paz
O melhor é você quem faz.

Mudanças são necessárias
Ser empático é uma opção
Apraz acolher as imperfeições.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Mergulho em ti

Mergulho em ti

Olhar amoroso
Em rima de aconchego
Sinfonia do desejo.

Sublime no amor
Basta do desamor
Intenso e trepidante.

A vida nos trazendo
Oportunidade de encontrar
A paixão sempre manifestar.

Desejos intensos
Por você vivo a cantar
E no amor te buscar.

Nosso amor
refletido no sol
Alimento de nossa alma.

Natural
Da fauna e flora
Eis o equilíbrio de nossa paixão.

Canto o canto
O cisne do amor
Que vem quando mergulho em tua vida.

Carlos de Campos

Saiba mais…

Acorda

Acorda

Lá no interior da alma
Melindrosa é a ausência do amor
Do importante pacto com o sofrer.

Desvia o teu olhar
Nunca empodere o teu viver
Ao romantizado ato de acreditar.

Acorda da sonolência
Filhos e filhas do mundo cão
Senhores perfeitos na racionalização.

Quão atormentados estamos?
Em meio a esse pesadelo?
Nesta terrível incompletude do ser.

Carlos de Campos*

Saiba mais…

Palhaço

Palhaço

Sou artista da alegria
Dedicado ao humor
A essa arte dou total valor.

Por amar o picadeiro
Temos nossas máscaras Por isso nós também adoecemos.

Nesse trabalho aprendemos
A lidar com o transitório
Aguardando sempre pelo próximo novo número.

Passado o triste dia
Maravilhados simplesmente observamos
As infinitas possibilidades.

Ninguém é herói da própria história,
Muito menos blindado contra o desamor
Eu, por outro lado, sou o artífice do amor.

No merecimento procurei
Aos pés da pirâmide social me encontrei
O lugar terrível em que não quero ocupar.

Por isso canto e amo!
Vibro e rejubilo!
Na singela inocência de minhas mais puras incoerências.

Carlos de Campos

Saiba mais…