CIGANINHA DO AMOR

3542371129?profile=original

CIGANINHA DO AMOR

Eri Paiva

Linda e sedutora, sorriso expressivo,

Veio, ter comigo, numa manhã de verão,

Uma cigana de olhar penetrante, incisivo,

Revelador das linhas de cada mão!

Esboçando alegria e contentamento,

Olhos atentos em minhas mãos espalmadas,

Quentes, pulsantes, diz-me feliz e docemente,

Espera por ti, tua alma perfumada!

Não lamentes jamais o que passou,

Pois o que viveste de sublime no passado,

Não morreu! O amor de antes é mais amor,

Na plenitude de um futuro abençoado!

As linhas de tuas mãos são caminhos

Que se conectam, de modo muito estreito

Com os caminhos de quem te tem carinho,

E elegeu-te como seu anjo perfeito!

Alegra-te, então! Sonha o que quiseres,

Porque tudo está na ordem certa, podes crer!

Eu, a ciganinha do amor, se preferes

Ficarei em sintonia com vocês... a torcer!

Natal/RN - Em 03. 11. 2017

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • OURO BABPEAPAZ

    Belo poema. Senti que não só a ciganinha é do amor. Beijos Eri.

    • Margarida!!!! Sentiste? Pois sentiste certo rs!!! Obrigada pelo teu sentir e por enxergares a beleza oculta do poema! Meu afetuoso abraço!
    • OURO BABPEAPAZ

      Abração Eri. Grin.gif

This reply was deleted.