BRONZE BABPEAPAZ

POEMA TRIVIOLETRA TC & TS: DANDARA (Concluído)

POEMA TRIVIOLETRA TC: DANDARA

 

D esafio e revolta // contra a escravidão // se fez nação (6)

A gogô gonguê ganzás // no morro bate // maracatu sagrado (3)

N egra guerreira //  Nome liberdade // Amor de Zumbi (1)

D estaque três raças // astúcia de Guararapes // ocupantes vencidos (7)

A  fuga dos horrores // Dandara diz: Vem! // não mais servidão! (2)

R ecusou amarras // preferiu a morte // criou Quilombo. (5)

A semente liberdade // plantada em Quilombos // parteja sonhos (4)

 

Dione Fonseca - 1 (Brasil)

Laís Müller - 2 (Brasil)

Chantal Fournet - 3, 7 (Portugal)

Manoel D Fonsêca Neto - 4 (Brasil)

João Furtado - 5 (CabVerde)

Fernando José C.R. Azevedo - 6 (Portugal)

POEMA TRIVIOLETRA TS: DANDARA

N egra guerreira //  Nome liberdade // Amor de Zumbi (1)

A  fuga dos horrores // Dandara diz: Vem! // não mais servidão! (2)

gogô gonguê ganzás // no morro bate // maracatu sagrado (3)

A semente liberdade // plantada em Quilombos // parteja sonhos (4)

R ecusou amarras // preferiu a morte // criou Quilombo. (5)

D esafio e revolta // contra a escravidão // se fez nação (6)

D estaque três raças // astúcia de Guararapes // ocupantes vencidos (7)

Resultado de imagem

#Dandara foi esposa de Zumbi e, como ele, também lutou com armas pela libertação total das negras e negros no Brasil. #blackwomen #black #negra #Dandaravive

Nota administrativa!!

A Poetisa Dione expressou o desejo,  que fossem mencionados os países dos Poetas, que participaram neste Poema Trívioletra! Assim, eu cumpri seu desejo, por entender o que ela manifestou: entre distâncias de Oceanos e Continentes, a existência duma comunhão de Pensamentos e Sentimentos fazem surgir um Poema ..... um TRÍVIOLETRA! Na Hora em que todos precisam do espírito próprio de alento!

Beijos e abraços

Chantal Fournet

7 Setembro 2016

Dia da Independência do Brasil

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Nosso Trívioletra ficou lindo. Parabéns especial a nossa administradora Chantal e à idealizadora do tema, Dione Fonsêca.

    A elaboração do poema foi muito significativa e simbólica e permitiu a integração de continentes em torno de um tema tão pertinente.

    Parabéns, também, a Laís Müller, João Furtado e Fernando José C. R. Azevedo pelas excelentes contribuições.

    Saudações poéticas

    Manoel Fonsêca

  • C - Como fico contente em participar
    H - Hoje ontem e amanha enquanto puder
    A - Aqui gostaria de acrescentar
    N - Não podendo me esquecer
    T - Tenho duas Pátrias de Ilhas 
    A - As de Cabo Verde e as de S.Tomé e Principe
    L - Lá no equador vim ao mundo e de cá tenho todo o resto!

    João Furtado
    Praia, 07 de Setembro de 2016

    • Belas palavras, João Furtado.

      Estimado poeta, fico muito feliz com nosso encontro neste espaço literário. Tenho um carinho especial por Cabo Verde. Por sinal, estive nessa bela terra, como médico voluntário, numa missão de solidariedade juntamente com colegas caboverdianos durante a epidemia de dengue, época em que eu era coordenador de Promoção e Proteção à Saúde do Estado do Ceará (Brasil) e enfrentávamos problemas semelhantes.

      Um abraço,

      Manoel Fonsêca

    • M - Manoel Dias meu amigo
      A - A Fortaleza é a bela cidade
      N - Não conheço muito mas já lá estive e de
      O - Onde trago boas recordações
      E - Especialmente as noites de camarão e peixe
      L - Largando conversas fora com simpáticos brasileiros.

      D - Das ilhas de Cabo Verde de morabeza
      I  - Imensa e cordial e fraterna saudação
      A  - Aqui só temos a nossa simpatia que já conhece
      S - Sabe que estamos sempre de braços abertos... Abraços de paz!

    • BRONZE BABPEAPAZ

      J anela aberta ao Mundo, coração de Ilhas

      O mar sempre te acompanhando!

      A zul no céu e nas aguas, rubros vulcões

      O verde dos palmares e amarelos caucaueiros

      Beijossss

      Chantal

      Resultado de imagem para imagens de cacaueiro

    • M - Mar oceano atlântico cercando as Ilhas
      A - Arquipélago onde o norte e o sul se abraçam
      R - Repleto de saudade contemplo a canoa
      I - Imagino no cacau o chocolate e vejo o mel
      A - A praia onde possivelmente meus pés pisaram...
      -
      J - Jamais eu vos esqueço, ilhas verdes e saudosas
      O - O meu amor que partido espalho por onde passo
      S - Sabem vocês Ilhas que uma boa parte lá ficou
      É - É assim que vive o meu amor em mil pedaços semeados!

       

    • BRONZE BABPEAPAZ

      3544356271?profile=original

      imaginando-te menino brincando na praia....

      em São Tomé e Principe

      beijosssss

      Chantal

      Resultado de imagem para imagens de s.tome e principe

    • BRONZE BABPEAPAZ

      E nós amigo com sua presença 

      Grin.gifGrin.gifGrin.gifGrin.gifGrin.gif

    • D - De coração sinto-me
      I  - Imensamente grato
      O - O acolhimento é nobre
      N - Nunca jamais será esquecido
      E - E de cá um abraço de morabeza!

    • BRONZE BABPEAPAZ

      claro querido Poeta tive mesmo que ir ver da palavra por me sentir a "nadar" em seco!! LOL E porque adoro saber coisas de criolo de Cabo Verde, onde só conheço "nhá cretcheu"

      E então encontri isto que aqui deixo a quem quiser ler!!!

      https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/ainda-a-pal...

      Lindo estes versos que nos dedicaste!!

      beijossss

      Chantal

      Resultado de imagem para imagens de s.tome e principe

      São Tomé e Principe Paia do Inhame!

      jinhos

      Ainda a palavra morabeza - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
      Tudo, aqui, à volta da língua portuguesa – o idioma oficial de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e…
This reply was deleted.