Muito bom BABPEAPAZ

Amor em dor

Amor em dor Amor, amor, amor - esse feitiço,
permeia cada sonho em mim candente.
Revolve o coração afogadiço
e em dor, fervor sem cor, faz mal à mente. Desfaço meu calor em céu temente
e abraço no meu corpo o tom mestiço.
Amor, amor, amor - esse feitiço,
permeia cada sonho em mim candente. Amarga solidão matou meu viço...
Nos dias desta vida há só poente,
a debulhar ao léu um som castiço.
Reclamo ao meu olhar iridescente,
amor, amor, amor - esse feitiço... Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Rio de Janeiro, 18 de fevereiro de 2014 – 20h16
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.