Primavera

3542201977?profile=original

Primavera

A andorinha em voo rasante
Vai fazendo o ninho no beiral,
Ela continua a ser o garante
Que mudou o tempo em Portugal.

Os bandos de andorinhas
Voam com suavidade
Elas nunca vêm sozinhas,
Trazem consigo a novidade.

Os campos verdejantes
Ficam todos floridos,
Apaixonam-se os amantes.

É tudo fruto da nova era.
Amores eternos prometidos
Quando chega a primavera.

Francis Raposo Ferreira
09/10/2014

Portugal.

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.