A TRAIÇÃO DA RUTE

3542234076?profile=original

A TRAIÇÃO DA RUTE

 

Bela morena e tão doce crioula
Roubaste o meu único coração
E apaixonado e sem qualquer razão
Deixaste-me sem dizeres um olá!

 

Sai pelo mundo fora procurei-te
Encontrei-te sim mas nos outros braços
Briguei e lutei e de nada os esforços
Pois não eras e nem podias ser a Rute

 

Teu quente sorriso pereceu falso
E triste e choroso fiquei descalço
Quanta dor me deste neste soluço

Um certo dia lembrarás do meu abraço
E me oferecerás o teu regaço
Mas terei consolo e tal embaraço

 

Acredito que voltarás minha Rute
Tu virás e até já vens a caminho
Espero-te e até já tenho o vinho
Comemoro e bebo e caio tal pedinte

De ti Rute nem sinal tu estas bem?
Estou bêbado e no chão caído
Sou chamado de grande bandido
É assim que estou culpa tua, meu bem!

 

Pouco tino me resta para ver a verdade
Tu vens, Rute minha, será à tarde
Eu é que espero-te desde madrugada
Tu diz que serás mui bem chegada
Eu acho que já é muitíssimo tarde

Tu és Afrodite, eu humano, tu Divindade!

Altiva morena, negra de peito belo e alto
Caminhas dengosa ao meu encontro
Eu desanimado levanto, triste,  o ombro
Parece que é mais um grande assalto!

 

Tu passas com outro, eu vejo ou sonho
O Baco se tornou meu melhor amigo
Torno-me valente e não temo o perigo
titubeante vejo-vos, ele recebe teu carinho!

É sonho, estou certo, tu Rute não és de traição
Nobre é o teu afável e puro e grande coração
Sempre para mim tiveste enorme e única paixão
E quando faltava, acontece, teveste compaixão
Jamais condenar-me-ia ao frio e gelado caixão
Ainda que o Hades tivesse para mim a reclamação!

João Furtado

Praia, 23de Janeiro de 2015
http://joaopcfurtado.blogspot.com

 

 

 

 

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • PRATA BABPEAPAZ

    Parabéns, João, pela tua dedicação. Um exemplo para todos nós, que devemos nos aplicar em sempre melhorar e aumentar nossos conhecimentos.

    Bjs Wau

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Belíssimo teu poema, parabéns querido amigo e poeta João, grande beijo, MIL.

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Querido amigo João,

    Atendendo ao teu pedido:

    Quanta à métrica: somente o segundo verso do último terceto está correto.

    Quanto às rimas: devem ser reformuladas.

    Em Teoria Literária - "Encanto dos sonetos na vida do poeta" - encontrarás as diretrizes necessárias à realização do soneto; além, claro, da natural inspiração.

    Beijosssssssssss

    • Poetisa Silvia


      Acho que vou retirar este e continuar a estudar... E tentar outro mais tarde!

      Muito obrigado

      João Furtado

    • DIAMANTE BABPEAPAZ

      Não precisas retirá-lo...

      Basta que o corrijas ou que seja um poema sem a classificação de soneto. Aliás, acima, não o classificaste assim...

      Beijossssssssssss

    • Obrigado Silvia Mota

      Sim, acho que de todos ps poemas o SONETO é o mais dificil de todos!

      Muito obrigado!

      Bjss

    • DIAMANTE BABPEAPAZ

      Sim, também ao meu olhar, o soneto é o mais complexo dos poemas. Mas, conseguirás realizá-lo, tenho a certeza. É questão de exercício... Beijossssssssssssss

    • Vou estudar e praticar mais e mais até conseguir!

      Acrescentei o poema

      Um abraço,

This reply was deleted.