TOP BABPEAPAZ

Decadência

Decadência

 

Quando o cronista escreve sobre o que está havendo de decadência no seu país, a alma chora.

Estamos em profunda decadência social e moral.  A econômica é uma incógnita.  Não temos acesso aos números que permitam verificar.

Saudosismo?  Seria bom que fosse!  Seria ótimo que estivesse enganado.

Quando era colegial, no ensino público, mais exatamente no meu querido Liceu “Nilo Peçanha”, que era em Niterói o que o “Pedro II” no Rio de Janeiro, exemplo de colégio de nível secundário, batendo mesmo os melhores da rede privada e formadores de grandes talentos, o andar da carruagem era outro.

Uniforme impecável, cheguei mesmo a usar túnica com gravata, terno completo de um estudante.  Evoluiu depois, tendo em vista nosso clima, para calça azul, camisa branca e gravata.  Sem o dólmã.

Ensino dos melhores, professores respeitados, alunos comportados.  Desrespeito ao professor era punido com a expulsão.

Havia, antes das aulas, a formatura no pátio.  Inspetores e inspetoras avaliavam nossa compostura e traje.  Aí de quem estivesse com os sapatos sujos!

Hino Nacional cantado, ao mesmo tempo em que a Bandeira era hasteada.

Diferença para hoje!  Não quero, não devo nem posso julgar valores.

Perto do ensino antigo, o de hoje é marginal.  Repito que não estou fazendo discriminação, mas tão somente comparação.

Hoje aluno agride o professor.  Se não é ele, são seus pais.  É fato corriqueiro a pergunta “que nota é essa para o meu filho?”  E todos sabem que o pagante, ou mesmo o que estuda em escola pública, sofrem o mesmo “constrangimento”.  Não podem ser chamados à atenção!

A presidente Dilma, em enérgico pronunciamento há dias atrás, prometeu providências severas quanto a este tipo de coisa.  Mas ainda nada fez, não por desleixo.

O Brasil é mesmo, um grande saco de gatos!

 

imagem: Liceu "Nilo Peçanha"/Google

Publicada no Portal PEAPAZ em 14 de maio de 2011

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • OURO BABPEAPAZ

    Os professores não são só agredidos. São assassinados cruelmente em muitos casos. Uma verdadeira bárbarie.

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Também sou deste tempo, que se cantava o hino nacional antes do início da aula e no final, tinhamos aulas aos sabados, e eramos reprovados, caso não tivessemos aprendido as matérias durante o ano... Se eu reclamasse de um professor com meus pais, ainda levava bronca rs
    Hoje não ha mais repetência, conheço crianças que ano que vem irão para a quinta série do Ensino Fundamentale não sabem ler nem um pequeno texto...Impossivel não fazer comparações... Uma Época em que as Escolas PÚblicas eram as melhores escolas... E por aí vai...

This reply was deleted.