OURO BABPEAPAZ

Amor e Ódio

3542326351?profile=original

Nasceu no meio do céu um ser misterioso, tinha asas, mas não era pássaro!  Cabelos longos, e  trazia nas mãos um arco de flecha pronto para ser usado... 
As pessoas corriam. O que aquele ser queria? Corpo exuberante e um olhar marcante. Procurava por algo, queria acertar o alvo!
Logo outro ser semelhante, chegou! 
Mas não havia concórdia entre eles, e uma batalha feroz se iniciou...
Eram anjos guerreando, e o céu azul escureceu! 
Sentimentos diversos vibravam no íntimo de cada um...
Amor e ódio! Um deles caiu no mar e as águas ficaram vermelhas! 
O que venceu ria alto, ficou incandescente de alegria! 
Olhava o outro se afogando e sorria. 
Um dos anjos morreu, mas antes de esvair desenhou com o sangue uma frase na superfície das águas:
eu%2Bera%2Bo%2Bamor%2Be%2Bo%2B%25C3%25B3dio%2Bme%2Bmatou%2521.jpg
-Eu era o amor e o ódio me matou!
3542326620?profile=original
O anjo vencedor começou a chorar, e foi embora dizendo: 
-Eu pensei, que quem eu matei, é que não sabia amar!
 
Janete Sales Dany
02/05/2016 
Poema@protegido por lei

Licença Creative Commons
O trabalho Amor e Ódio de Janete Sales Dany está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

3542326592?profile=original

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.