Obra: Horae Serenae (detail)

Autor: Edward John Poynter

Estilo: Academico

Edward John Poynter

Edward Poynter era o filho do arquiteto Ambrose Poynter . Nasceu em Paris , embora seus pais voltassemm para a Grã-Bretanha logo depois. Ele foi educado em Brighton Colégio e Escola Ipswich, mas deixou a escola cedo por razões de saúde, passando invernos na Madeira e Roma . Em 1853 ele conheceu Frederick Leighton em Roma, que provocou uma grande impressão sobre os seus 17-year-old Poynter. Em seu retorno a Londres, ele estudou na academia de Leigh em Newman Street e da Royal Academy Schools, antes de ir para Paris para estudar no estúdio do classicista pintor Charles Gleyre , onde James McNeill Whistler e George du Maurier eram seus colegas estudantes. Em 1866 casou-se com a famosa Agnes MacDonald , filha do Rev GB MacDonald de Wolverhampton, e tiveram três filhos. Sua irmã Georgiana casou-se com o artista Edward Burne-Jones ; sua irmã Alice era a mãe do escritor Rudyard Kipling ; e sua irmã Louisa era a mãe do primeiro-ministro do Reino Unido Stanley Baldwin . Carreira Ele tornou-se mais conhecido por suas grandes pinturas históricas tais como Israel no Egito (1867; Guildhall Art Gallery , Londres), seguido de St George para a Inglaterra (1869), um mosaico para o Lobby Central do palácio de Westminster , que descreve St George e o Dragão . [1] Visita da rainha de Sheba (1871-1875) e Rei Salomão (1890). Ele foi admitido como associado da Royal Academy em 1869. [2] Poynter realizou uma série de cargos oficiais: ele foi o primeiro Professor Slade da University College London 1871-1875, diretor da Escola Nacional de Formação Art 1875-1881 e diretor da Galeria Nacional 1894-1904 (supervisionando a abertura do Tate Gallery ). Ele se tornou um acadêmico Real em 1876. Em 1896, com a morte de Sir John Millais , Poynter foi eleito Presidente da Academia Real . Recebeu um título de cavaleiro no mesmo ano e um diploma honorário da Universidade de Cambridge em 1898. [3] Foi feito a um baronet em 1902. Depreende-se dos temas de suas pinturas (Rei Salomão e Templo do Rei Salomão) e sua associação com Kipling que ele era um maçom, cópias de sua pintura A Visita da rainha de Sabá ao rei Salomão encontram-se em muitos Lojas Maçônicas em todo o mundo. A velha escola do Poynter, Brighton Colégio realizou uma exposição de pinturas e desenhos do Poynter intitulada "Vida Arms Length 'na sua Galeria Burstow em Novembro-Dezembro de 1995.

"

Horas, horae

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

As horas, em grego: : Ώρες, em em latimhorae, constituíam, na mitologia grega, um grupo de deusas que presidiam as estações do anoEumônia está relacionada com a representação da divindade da justiça.

Têmis e Dice elucidam o lado ético do instinto, a voz miúda e calma no seio do impulso. Dice para a humanidade é a função de base institual muito sintônica com o que chama de instinto para reflexão. As três horas também são as porteiras do Olimpo.

Existem mais nove horas que são guardiãs da ordem natural, do ciclo anual de crescimento da vegetação e das estações climáticas anuais. (Talo, CarpoAuxoAcmeAnatole,DiceDiceiaEupóriaGimnásia).

Segundo alguns, Clóris, deusa da primavera, era também uma das horas.1

https://pt.wikipedia.org/wiki/Horas

http://artmagick.com/pictures/picture.aspx?id=7866&name=horae-serenae-detail http://translate.google.com.br/translate?hl=pt-BR&sl=en&u=https://en.wikipedia.org/wiki/Edward_Poynter&prev=search


TEMA: Horae Serenae

(Deusas serenas, um detalhe)

Modalidade: livre

Orientações

1- Para participar deste tópico faz-se necessário, na ordem abaixo:

a) publicar a imagem proposta no cabeçalho do texto;

b) indicar o título do poema ou prosa;

c) inserir o poema ou prosa;

d) inserir o nome do autor; e) inserir o país do autor.

2- Serão destacados, pelos Julgadores, cinco prêmios em cada categoria,

a saber:

Poemas, Contos e Crônicas,

assim distribuídos:

Primeiro Lugar

Segundo Lugar

Terceiro Lugar

Menção Honrosa

Menção Honrosa

3- Serão rejeitados:

a) os textos dos autores que não exibirem a página do perfil completa;

b) os textos que ignorarem o assunto proposto;

c) mais de um texto por autor, na mesma categoria.

4- Data limite para a postagem:

14 de Julho de 2015 até meia noite.

Participantes da Antologia Imagem e Literatura nº 55:

- Horae Serenae (detail) -

 Maria Oreto Martínez Sanchis. LAS ARTES(OCTAVA REAL)

Marcial Salaverry.  NOSSAS QUATRO ESTAÇÕES - POEMA

José Hilton Rosa.  Arte em movimento

Francisco Martins Silva. Esperança, luz do caminhar

 Jorge Luiz Franco Linhaça. Bailam as Musas...(soneto)

María Cristina Garay Andrade. HORAS SERENAS (Poema)

 Maria Iraci Leal.  ‘Horae Serenae’...

 REGINA DA CONCEIÇAO MADEIRA GODA. SOLSTÍCIO DA SERENIDADE

Janete Francisco Sales Yoshinaga. Um pouco de luz há de vir comigo! Assim sigo...

Isabel Cristina Silva Vargas. DANÇA À VIDA

Arlete Brasil Deretti Fernandes. Antologia Imagem e Literatura Nº.55 - Tema: Horas Serenas de Gratidão.

Rosalina Gonçalves Ramos Herai. HORAE SERENAE- MUNDO ENCANTADO

 Maria das Graças Araújo Campos. DANÇAM AS HORAS

Marcial Salaverry. REALMENTE O AMANHECER É LINDO - PROSA

 Isabel Cristina Silva Vargas. A INFINITA DANÇA DO TEMPO (PROSA|)

 Maria Oreto Martínez Sanchis. LOS OLVIDADOS (ENSAIO)

 Francisco Martins Silva. Um amanhecer de primavera - Ensaio

Francisco Martins Silva. O enlevo de minha infância - Crônica

 Jorge Luiz Franco Linhaça. No Tempo das Donzelas - Crônica-

 Isabel Cristina Silva Vargas.. DEUSAS NA TERRA (CRÔNICA)

 Jorge Luiz Franco Linhaça.Às Portas do Olimpo - Conto 

 

 

VENCEDORES

Categoria Poemas

Primeiro lugar

Maria das Graças Araújo CamposDANÇAM AS HORAS

REGINA DA CONCEIÇAO MADEIRA GODA. SOLSTÍCIO DA SERENIDADE

María Cristina Garay Andrade. HORAS SERENAS (Poema)

 Maria Oreto Martínez Sanchis. LAS ARTES(OCTAVA REAL)

Segundo lugar

Arlete Brasil Deretti Fernandes. Antologia Imagem e Literatura Nº.55 - Tema: Horas Serenas de Gratidão.

Terceiro lugar

Jorge Luiz Franco Linhaça. Bailam as Musas...(soneto)

Menção honrosa

Rosalina Gonçalves Ramos Herai. HORAE SERENAE- MUNDO ENCANTADO

Isabel Cristina Silva Vargas. DANÇA À VIDA

Janete Francisco Sales Yoshinaga. Um pouco de luz há de vir comigo! Assim sigo...

Categoria Conto

Primeiro lugar

Jorge Luiz Franco Linhaça. Às Portas do Olimpo - Conto

 Categoria Prosa  

 Primeiro lugar

Marcial Salaverry. REALMENTE O AMANHECER É LINDO - PROSA

Segundo lugar

 Isabel Cristina Silva Vargas. A INFINITA DANÇA DO TEMPO (PROSA|)

Categoria Crônica

Primeiro lugar

 Jorge Luiz Franco Linhaça. No Tempo das Donzelas - Crônica-

Segundo lugar

Francisco Martins Silva. O enlevo de minha infância - Crônica

Terceiro lugar

 Isabel Cristina Silva Vargas.  DEUSAS NA TERRA (CRÔNICA)

Categoria Ensaio

Primeiro lugar

 Maria Oreto Martínez Sanchis. LOS OLVIDADOS 

Segundo lugar

 Francisco Martins Silva. Um amanhecer de primavera - Ensaio

 

Criadora do Grupo: Sílvia Mota

Administradora do Grupo: Maria Iraci Leal

Comissão julgadora

Silvia Mota

Maria Iraci Leal


Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.