ANOITECER (Antologia Imagem e Literatura nº 90)

3542368010?profile=original

Sentado numa pedra a beira do rio

Admirando os últimos rios do sol

Beijando as águas benditas e frias

Num adeus do dia que vai embora.

 

As primeiras estrelas anuncia o anoitecer

Os pássaros procuram a copa das arvores

Para olhar a lua com sua extrema beleza

Iluminando lentamente as eternas estradas.

 

Os peixes nas águas pululam de alegria

Passeando em cardumes se abraçam

Extasiados se beijam inebriados na magia

De viver um momento de pura felicidade.

 

Olho nas ondas silenciosas e inigualáveis

Tocando-se com sensualidade e prazer

Beijando-se em louvor aos entes das matas

Agradecendo a Deus por mais um anoitecer.

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

This reply was deleted.