BRONZE BABPEAPAZ

UM POEMA PROCÊ

3837677503?profile=RESIZE_710x

Vem pra cá, se aproxime;
Vou lhe compor um poema -
uma simples história, não tema -
que até pode ser que rime
e fique algo parecido
com sussurros ao pé do ouvido.

Um papo meio privado,
com entonações, ritmado
e certamente do seu agrado.

Vem pra cá, sente aqui.
Poemas são como fábulas:
- Bons, dispensam regras e rábulas;
Basta ouvir, gostar, viajar, curtir...

Chegue mais perto, é melhor.
Poemas são palavras ao vento
aparentemente soltas, ao relento,
mas revestidas de sentimentos
com poder de envolvimento
capaz de subverter o momento
de forma contundente
mexendo com o que você sente
como se fora um Duende.

Agora perceba rápido:
- O poema já se deu, é fato...
Seu simples ouvir, neste ato,
o compôs, tá comprovado.

É seu e está assinado !

                                                                                                      Paolo Lim

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • Lindíssimo. Fico grato pelo poema.

     

  • DIAMANTE BABPEAPAZ

    Atendi ao seu chamado e ouvi o recado. Como sempre, retiro-me encantada com o poder de sedução poética que lhe é peculiar. Beijossssssssss

  • Sempre primando pela originalidade!

    Sentei ouvi e gostei.

    Tá comprovado e assinado.

    ZCH

    • BRONZE BABPEAPAZ

      Oiiii Zélia Mendonça Chamusca: Fico imensamente feliz por tê-la agradado. Bjs do amigo Paolo.

This reply was deleted.