Mensagens de Blog

Poeta e Escritor

Rumo aos Céus

 

---

De repente me ergui
a poeira de meu corpo
e de minhalma sacudi
Apanhei meu violão
que jaz há muito no chão
deixei a lagrima escorrer
assim lavando meu ser

 

Se a tristeza resolvesse
os problemas de nossas vidas
pelas tristezas dos mundos
em plena precariedade
todos nós viveríamos
no mais em felicidade

 

Liguei meu computador
e fui falando do amor
ao fundo uma musica dizia
"alegria - alegria..."
E na mistura dos sons
minha alma flutuava
qual carta sem destinatário
e me vi qual um templário

 

Se eu sou um louco
desequilibrado
eu só sei dizer:
o quanto tenho amado
Se sou inseguro
se fico "no muro"
ainda assim garanto
que eu amo... e quanto!

 

Como se eu fosse outro
que navega as vidas
que persegue os sonhos
ao som de bandolins
eu vou seguindo as estradas
sempre olhando as curvas
em busca do fim...

 

E nos kaminhos das vidas
que sempre vou Kaminhante
com o propósito proposital
de disseminar o amor
confesso que as vezes sou caça
sou presa difícil e fácil
de mim mesmo - caçador

 

De repente, de repente,
(ah - só vivo de repentes)
na minha frente o mar
com suas ondas a bailar
convidante ao amar
com seu murmúrio tão doce
no seu firme marulhar

 

Me transformo em canoa
e desta em canoeiro
sem apegos à matéria
sem apego ao dinheiro
com apego pela vida
e em seus elementais
eu sinto a doce leveZa
eu me sinto a natureZa

 

Quando olho para o alto
sinto algo indefinido
tudo me parece claro
com sentido ou sem sentido
sinto o porquê das vidas
e a razão ou des_razão
de meu viver... ter nascido!

 

E assim vou Kaminhante
e assim vou pelas  vidas
diversas e ad_versas
dos inominados mundos
com minha vida e alma minha
almejando encontrar logo
a minha "branca casinha"!
...
by: Zeca Feliz Avelar - gaDs

---

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –
Poeta e Escritor

Aqui mora a ARTE... - Com os Artistas!!!

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.