O AMOR

O amor,

Tem a sua maneira

De não morrer,

Pois ele nunca morre

Somente migra para

Outro coração que

Encontra-se aberto

E que de tão carente

Que esta acaba cedendo

E deixa que o amor

Aja naturalmente dentro

Do teu peito e nunca

Mais vai embora.

 

O amor quando se vai

Foi porque algo aconteceu

E esta fazendo com que

Ele simplesmente saia

Para uma nova vida.

No amor tudo acontece,

Tudo muda e simplificada

O nosso viver nessa vida,

Pois sentimos que a cada

Dia que amanhece um novo

Amor vai crescendo em

Cada coração que se ama.

 

Comendador Marcus Rios

Poeta Iunense - Acadêmico -

Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)

Membro Efetivo da Academia Marataizenses de Letras

Embaixador da Paz

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas