Mensagens de Blog

Artista Plástica Poetisa e Escritora

NINGUÉM ME DISSE AMOR

NINGUÉM ME DISSE AMOR

 

 

 

Apenas olhei o mar ele me disse...

Por que tua alma chora tanto se te amo?

Sentada encolhi-me chorei,  então respondi!

Meu corpo perfeito sem mesuras era tudo dele...

Assim mesmo ele se foi, deu adeus acenando as mãos...

Perambulo desnorteada com  o coração chorando,

O amor que tinha foi-se sem uma despedida...

Míseros beijos ele deu e nada mais,

O mundo fundiu-se junto comigo de tanto amor,

Os dias tornaram-se fúnebres sem ele...

Levantei, juntei-me a águia voei  a tua procura...

Norte e sul visualizei do alto não te via,

Andei oceano afora afogando minha dor...

O coração em alvoroço sangrando...

Vi o luar do sertão lá tu estavas pensando em mim...

Duas lágrimas rolavam em teu rosto...

Este que tanto beijei com doçura e amor,

Pousei ao teu lado, sufoquei teus lamentos...

Escondia-te de todos com vergonha de si mesmo,

Calada toquei seu ombro...

viraste me abraçou

beijamos-nos loucamente.

..

 

 

 

 

MENDUINA

 

 

   

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.