Mensagens de Blog

PRATA BABPEAPAZ

Minha Primeira Mestra

 

Lembro-me com carinho de sua mão firme segurando minha mãozinha de criança e conduzindo-me pelo caminho das primeiras letras. Fazia-o com muito afeto, o que me fez despertar o gosto pela profissão.

Despertou-me muito cedo o prazer pela leitura. Tive contato precoce com dois autores, livros estes que guardo comigo até hoje:
Emília no País da Gramática, de Monteiro Lobato.
Aventuras No Mundo da Saúde, de Érico Veríssimo.

Matriculada na escola, fui admitida no segundo ano primário, pois já sabia ler, escrever e fazer as operações aritméticas.

Minha primeira professora, quando ainda ensinava em sua escola, o que fez durante muitos anos, fazia-o por amar a profissão e ao ser humano.

Contava-me fatos ocorridos com seus alunos, alguns emocionantes e outros cômicos.
Havia naquele tempo o Inspetor Escolar, profissional que passava de surpresa nas escolas para “examinar” os alunos em todas as disciplinas e com muito rigor .

Socorria crianças que desmaiavam de fome em sala de aula. Pedia para a outra colega cuidar de sua turma, e sendo sua casa próxima, alimentava estes alunos, voltando em seguida.

Como residíamos em região de imigrantes alemães, italianos e poloneses, algumas vezes saiam alguns trocadilhos no emprego das palavras. Certo dia uma aluna chegou chorando muito e ela perguntou:
- Por quê você chora, querida?
A aluna, soluçando respondeu:
- Porque minha sobrinha morreu.
- E de que foi que tua sobrinha morreu?
- Ela se quebrou.
-Mas, como aconteceu isto?
Foi então que outro aluno disse:
- Ela quebrou a sombrinha!


Na escola, todos os dias antes de se iniciarem as aulas, os alunos eram perfilados e cantavam o Hino Nacional Brasileiro enquanto hasteavam a bandeira.

Seu papagaio de estimação assobiava o Hino Nacional muito bem.

Passados alguns anos, seus ex-alunos quando a encontravam, agradeciam-lhe por tê-los ensinado com firmeza e competência.

Esta professora continuou a acompanhar-me por anos seguidos. Escrevia, declamava poemas e muito me estimulava, como o fez depois com seus próprios netos.

Tivemos muitas alegrias e sofrimentos juntas.

Minha gratidão a esta mestra exemplar pelas boas sementes que plantou em tantas almas.

Assim como são erigidas estátuas em reconhecimento aos heróis, a estátua à minha primeira professora está erigida em meu coração para sempre.

Esta Mestra foi minha mãe.
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.