MEUS VERSOS DE AMOR

Quando mais nada

Deste nosso amor

Restar dentro de você,

Guarda bem no fundo

Do seu coração, lá no canto,

Separado e distante,

Um pouco de mim,

Deste meu amor que

Eu sentia por você.

 

Pois quando eu te amei,

Eu amei você como um cego,

Sentindo em cada beijo

A vontade de te amar

Mais e mais nesta vida.

 

Agora que tudo se acabou,

Guarda pelo menos estes

Meus versos de amor,

Que eu fazia para você

Nas minhas noites lindas

Em que a estrela brilhava

E a lua prateada iluminava

O nosso lindo amor.

 

Comendador Marcus Rios

Poeta Iunense - Acadêmico -

Membro Efetivo da Academia Iunense de Letras (AIL)

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas