Mensagens de Blog

Poetisa e Escritora

Há uma génese

Há uma génese, um começo

um mar bravio, que professo
um caudal onde transbordo
a foz onde desagua
o rio dos meus sentimentos
gaivota livre e desperta
maresia que inalo
um vento que adivinho
e escurece a minha pele
deixa-lhe o sal entranhado

Há uma estrela divina
um astro rei de calor
uma fonte de energia
um sorriso encantador
toda a luz que me alumia
clorofila em sol maior
a vida em seu esplendor

Há gotas que regam esperanças
que juntam forças e correm
livremente para o mar
é vida que se renova
esta chuva que me afaga
e faz a semente brotar

3º prémio no Concurso de Poesia "O Sol, o mar e a chuva" das Edições Ag
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.