Mensagens de Blog

Poetisa e Escritora

Dia do amigo
20 de julho, comemoração no Brasil.

O que é ser e ter amigo afinal?
Hoje em dia a amizade se instala muito mais nas tais redes sociais.
Amigo verdadeiro difícil de encontrar, os anos passageiros, muitos deixados para trás.
Amigo, digo aos meus filhos, que sou eu,o pai e avó deles, pois na minha inconstância vida, foram poucos os amigos de verdade que tive.
Alguns se foram, outros tiveram contratempos, e eu sozinha nas veredas da vida permaneci.
Cumpri minha vã existência, pedi a Deus muita paciência.
Não sou de ir a casa de ninguém, e poucos, ou nada vem na minha casa também.
Colegas de trabalho, posso contar nos dedos de uma única mão, aqueles que de verdade são amigos para uma vida.
Hoje assistida pela renovação de meus ideais, busco a paz e tento transcender. Converso com todos, mas meus amigos, são fiéis e fazem o mínimo para ter minha sincera amizade.
De verdade, não fico com puxasaquismo, como hoje em dia as amizades são uma troca de favores, não há mais a verdadeira amizade.
Vi tantos amigos do passado, da igreja, da minha vida,ruírem, outros vi partirem para novas fases, e eu traçando meu lugar ao Sol, sem está a sombra de ninguém, nem dos meus entes queridos, mesmo in memoriam, todos a quem quero bem.
Sou uma vida solitária, que se empolga com a amizade da Natureza, com a certeza de buscar a felicidade em Deus, nas atitudes de uma vida, que agradeço a Deus, por aqui está.
Oxalá, em minhas memórias, pude perceber, que a única amiga de verdade é a Morte, e quantas vezes por ela passei. Bem sei que ao nascer, já pude guerriar e enfrentar o cordão umbilical preso em meu pescoço. Aos quatro anos,12 horas de cirurgia, muitos médicos nem vida mais davam, e eu atravessei a barreira da morte. Com 15,uma apendicite que me custou muito, e assim,sobrevivendo vou, com a amiga inseparável que tenho.
Sei que alguns amigos virtuais e reais são caros, outros necessários e outros sabemos que tanto faz.
Mas, continuo aqui convivendo com a certeza de um dia reencontrar companheiros para toda uma vida, e compartilharmos os mesmos gostos.
Sinto dizer, que muitas vezes, no meu convívio diário, a maior parte só tenho desgosto.
Mas, um dia serei feliz, um dia encontrarei-me com a Morte, minha nobre amiga, que é a certeza que tenho na essência dessa nossa terrena Vida.
Aos amigos do passado, como: Rita de Cássia Rodrigues Roque, Jakeline Vieira da Silva, Sandra Regina Azevedo, Fátima Campos, Célia Campos, Luciana Araújo, Ritinha, Marislei, Marcilene, Lidiana, Pepe, Rita filha de dona Maria (Igreja), Beto, Betinho, meus primos todos, in memoriam Carlos de Jesus, da escola Rita, Jake, Patricia Indiomara, Martinha, Ratinho, Tubarão, Vera Darci de Biazzi, Ligia Lobo, Ivone, ....
Aos novos amigos virtuais e reais, aqui são vários, e aos meus filhos e ex alunos, em especial aos amigos de verdade, minha família que tanto amo. (Cunhados, sobrinhos, tios, primos)
A Deus, à Vida e a Morte,companheiros especiais.
Tereza Cristina Gonçalves Mendes Castro
São Paulo, 20 de julho de 2019.
16:31h.
Dia da festa retrô da Paróquia São Francisco Xavier - Vila Missionária.
Professora da Disciplina de Química e escritora.

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • Excelente BABPEAPAZ

    Eu considero amigo uma raridade também.

    Na vida real e também na virtual faço o possível para ser uma boa amiga de todos.

    Não sei se consigo.

    Eu não tenho problemas em ficar só.

This reply was deleted.