Mensagens de Blog

Poeta e Escritor

CAÇADOR DE MIM

 

 

só vejo letras e borboletas

tudo o resto eu quis esquecer

por isso não quero mais ver

só lembrar que não quero ser

sou o canto do rio que passa

montanha escura sem gemer

quero ser o tempo com graça

escutar no eco o meu viver

às asas atribuo a minha raça

ao voo a minha ronda final

desnudo-me entre sois e luas

aqueço-me no colo da brisa

e adormeço essas tristezas

estarrecido sou o compasso

das músicas sós da floresta

aquilo que sou é das estrelas

encantado no meu espaço

resisto a essa loucura assim

sou borboleta e sou regaço

sou um caçador de mim

 

mongiardimsaraiva

 

 

 

 

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.