BUSCANDO A LUZ

5342619677?profile=RESIZE_710x

 

 

É a hora de o sol nascer

Surgir o orvalho do alvorecer

A luz de o dia ascender

E toda a natureza resplandecer.

                               

Desperto preguiçosamente

Abro a janela lentamente

Raios solares penetram graçiosamente

E Inspiro o frescor do ar profundamente.

                           

Amanheceu!

Estou na fazenda

Troquei o burburinho da cidade

Para que a paz em mim transcenda.

 

Preciso rebentar as amarras

Que me prendem ao material

Retornar ao meu espiritual

Para me aproximar do Pai Universal.

 

Sou um ser aprisionado

Retido pelos erros do passado

De vidas outrora encarnado

Em busca do perdão desejado.

 

Autor Eduardo de Azevedo Soares

Guerreiro da Luz – Edu Sol

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas