Mensagens de Blog

ANESTESIA GERAL

 

 

sinto essa gente anestesiada

complacente submissa desmotivada

cada um fechado na sua concha

no seu sarcófago dentro da jaula

alienados por notícias desvairadas

de morte corrupção e incerteza

apáticos resignados e adormecidos

seguem conformados o enterro

sorriem apenas e contam piadas

como se o presente não fosse nada

somente mais uma notícia de guerra

matar morrer e sofrer não os sacode

dá-lhes apenas essa vontade de pisar

nas cabeças que jazem por terra

a sociedade é um riacho podre

onde os corpos incham e estouram

em tiros de fuzil como foguetes

rolos compressores anestesiam a dor

numa rotina de sangue e aceitação

o que será do sono do desamor

quando passar o efeito da droga

talvez estejamos todos mortos

em campos minados de corpos

 

 mongiardimsaraiva

Enviar-me um email quando as pessoas comentarem –

<a href="https://meujardimpoetico.blogspot.com.br/">https://meujardimphttps://belasartesbelas.ning.com/membersoetico.blogspot.com.br/</a>

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • Top BA_Belas

    Infelizmente vivemos um momento destes, me parece aquele silêncio que antecede um terremoto, tudo e todos parados, as coisas vão acontecendo na sua frente e nimguem faz nada como se nada importasse a não ser seu próprio umbigo.

  • Olá, Margarida! Muito obrigado pela sua apreciação, tão detalhada e pertinente. Gostaria de não ter escrito o que escrevi, com palavras tão fortes e pesadas. Nem tão pouco viver e presenciar momentos tão precariamente inspirados e desumanos, no entanto, fica o registro de uma realidade nua e crua que parece fugir cada vez mais ao domínio dos nossos sentidos... Um abraço e um beijo! 

  • Triste, porém real! Parabéns!

     

    • Sim, inevitavelmente triste, infelizmente. Muito obrigado pelo seu comentário, Maria Helena. Abraço!

This reply was deleted.