Mensagens de Blog

Poeta e Escritor

Amor Uma visão

Ver a imagem de origem

 

 

 

 

 

Amor Uma Visão

 

O Amor , o sentimento nobre , é um bem maior de afeição. Não se trata de pura emoção. O Amor é muita razão, as emoções advindas são reflexos racionais. O Amor, aqui ainda bela palavra de escrever, brota nascente, cresce e renova-se brotando infinitas vezes.

O Amor é um sentimento de percepção, ação e reação. O verbo amar não é de ligação simplesmente e até gramaticalmente está errado e não faz parte da linguagem formal, aqui uma licença poética.

Amar é um verbo transitivo direto, quem Ama, Ama alguém, e não “a alguém” preposição não se interpõe entre “Um, O amor, e Outro”.

 Ama-se diretamente, adverbialmente, retamente.

O Amor, então, é como um milagre de vida, diga-se em tom maior, uma rara flor vermelha, regar e regar é preciso.

Já dito, dito popular, é uma fogueira de gravetos, de fé. Devem realimentar-se a carvão para que a fogueira fique sempre acesa.

Amor é uma fogueira acesa, ora morna ora quente, neste balanço, a balança do Amor mantém um equilíbrio imprescindível.

Amor é equilíbrio constante: “rompantes é aviltante”

O corpo humano, afirma-se de forma áspera, é pura carne crua, que em si mesma é inerte e morre.

Este corpo é o que de mais complexo, misterioso e indecifrável de que se tem conhecimento.

Para movimentá-lo parcialmente, temos a Porta da Frente, que é a “ Consciência “ que a tudo vê ao redor, sente, reflete e  tudo armazena na “ Inconsciência“.

O que dirige a nossa vida,  ações e emoções, é a “Voz na Porta dos Fundos” que deveras é a “ Inconsciência “ , sobre a qual se tem pouca ou nenhuma influência.

 A “ Inconsciência” comanda instintos, aprendizados e experiências  e estão lá guardados na nuvem da Vida. De prontidão para entrar em ação.

O Amor resplandece e se manifesta na “ Inconsciência”. Assim é preciso trabalhar bem a vida em todos os seus aspectos, deixar que nobres sentimentos e experiências estejam consistentes em “Vida Consciente”  e  guardá-los a sete chaves.

 “Na Voz da Porta dos Fundos” em  tudo o que emergir “no Reflexo da Inconsciência”, o Amor  manifestar-se-á em plenitude inconsciente.

 

O Amor é universal, O Amor é longânime

 

Fim

Antonio Domingos Ferreira Filho

Junho 2018

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

This reply was deleted.