Ajude-me!

Estou só,carente de saber,
um pouco que seja,de mim.

Portanto,imploro,suplico,conta-me
quem sou,o que faço,
com certeza tão diferente
do que penso ser
 
Conta-me a verdade,
porque na idade que tenho,

sofro com equívocos...
tantos erros impensados,
falta-me o pudor,
que me pesam a alma,
num momento constrangedor

Conta-me sobre o belo,
mentindo,até,para compensar

os limites que me atolam...
Invente que existem calmantes ,
para lenir perdão aos
pecadores
permitindo que me aquiete o coração
 

Diga-me doces palavras,
palavras essas,que compensem

o meu errar .uma...mil vezes!
Dá-me um agrado,um que seja,
para reaquecer meu coração
 

Me enxergue com generosidade...
releva minha realidade,

minha intolerância sem fim...
me dê seu perdão,
faça-me mulher ,outra vez!
Humanamente simples e feliz...

Olhe pra mim......!
 
Ciducha Seefelder
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Belas Artes Belas.

Join Belas Artes Belas

Comentários

  • Novamente uma resposta a mim, mas o meu comentário não aparece. Estranho.

    Esse poema é um delicado pedido de ajuda muito bem elaborado.

    ADORÁVEL.

     

    • Obrigada querida

      Esse foi um mau momento na minha vida...Desabafei,simples assim

      Beijos muitosssssssssssssss

  • Passei por aqui, soube que estavas carente de revelações... Retornei, e você estava necessitando de verdades cruas... Mais uma vez fiz presença, e estavas aceitando até mentiras belas... Quase desisti de voltar, mas voltei, e pedias generosidade para aquecer o teu coração... E então, quase indo embora, vi o teu sorriso pedindo: - Olhe para mim!!... Não resisti, e escrevi o que está escrito e reescrito... Te olhar prá quê, se os teus versos se misturam com a tua alegria de fazer poesias?... Poesias de Ciducha!...  

    • Obrigada pelo carinho das palavras carinhosas,na verdade uma linda poesia que muito aqueceu meu coração.

      Posso confeassar uma coisa à voce?Pensei em desistir e sair desse grupo  maravilhoso,repleto de poetas de verdade,vencedores de tantos premios,e eu uma pretensa poeta que só sabe falar si mesma,de dores,amores e outros mais...Como bem disse:"Poesias de Ciducha"

      Deixo meu boa noite com um abrço silencioso

  • Um sussurro humilde remodelado em poesia, preenchido por lágrimas disfarçadas de versos...e eu longe de verdades e fatos acredito dentro de minha insanidade que a generosidade deve nascer num botão de rosa dentro de nosso próprio coração, perdoando a nós mesmos, sorrindo ao espelho com convicção. Que belo texto. Obrigado por dar vida a ele. fica com Deus.

    • Obrigada pela leitura querido poeta

      Fiquei feliz e vaidosa,viu?

      Beijos

  • This reply was deleted.
    • Sim,escrevo sempre na primeira pessoa...tenho tanto a contar!

      Obrigada pelo carinho poeta

      Bjsssssssss

  • Gostei demais de sua Poesia.

    Um desabafo contundente por uma companhia ou um Amor.

     

    Parabéns amiga Ciducha

    • Que bom que gostou,querido poeta..Sim,um desabafo

      Beijosssssssss

This reply was deleted.